Segurança

Marido é preso quatro dias após matar a esposa dentro de carro em SC

Deniza foi assassinada na frente da própria mãe na madrugada do último domingo (28)

Divulgação

Alessandro Pereira, 37 anos, se apresentou na delegacia de proteção à muher quatro dias após assassinar a esposa Deniza Soares Kuku, de 29 anos. Ele prestou depoimento no fim da tarde desta quarta-feira (1º) e foi direto para o Presídio de Blumenau. Segundo o advogado de defesa, o homem confessou o crime e disse estar arrependido.

O casal voltava para casa na madrugada de domingo (28) quando houve uma discussão dentro do carro. O homem parou o veículo no acostamento, pegou um canivete, atingiu a esposa no pescoço e fugiu do local a pé. O crime aconteceu na frente da mãe da vítima, que também estava no automóvel. ​

Quando a polícia e os socorristas chegaram à cena do crime, na Rua Theodoro Passold, no bairro Fortaleza Alta, Deniza já estava morta.

Alessandro e Deniza estavam juntom há oito anos e tinham dois filhos. De acordo com o advogado criminalista Franklin Assis, o agressor agiu “no calor da emoção”. A defesa vai tentar recorrer da prisão preventiva e solicitar à Justiça que o homem responda pelo assassinato em liberdade — se for enquadrado no crime de feminicídio, a pena pode variar de 12 a 30 anos de prisão.

Onde pedir ajuda

Polícia Militar (número 190) deve ser acionado quando presenciar ou vivenciar algum episódio de violência contra a mulher.

Rede Catarina (número 3221-7332), onde é possível pedir acompanhamento da polícia, principalmente no cumprimento de medidas protetivas, ou buscar orientação sobre as ferramentas de proteção à mulher.

Central de Atendimento para Mulher em Situação de Violência (número 180), para buscar orientação sobre direitos e serviços públicos à população feminina, bem como para denúncias ou relatos de violência.

Delegacia de Polícia de Proteção à Mulher (telefone 3329-8829), onde é possível registrar ocorrência de violência contra a mulher, bem como requerer medidas protetivas e iniciar processos contra agressores. A delegacia está situada na Rua Dr. Sapelt, 45, no bairro Victor Konder.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Ex-prefeito de Criciúma é preso após perseguição policial

Márcio Burigo, posteriormente identificado, desobedeceu a ordem legal dos policiais e se evadiu por cerca de dois quilômetros

Filezão: diversos celulares são furtados durante o evento; organizador é notificado por conta da aglomeração

O evento reuniu milhares de pessoas.

Rayssa Leal e Lucas Rabelo são os campeões da etapa de Criciúma do STU National

Maranhense e cearense largam na frente no circuito brasileiro 2022, iniciando o ano como terminaram 2021: com título

Três mulheres ficam feridas em acidente no centro de Cocal do Sul

O acidente aconteceu na rua Edson Gaidzinski