Segurança

Moradora de Esplanada, adolescente de 15 anos está desaparecida

Gabi, como é conhecida, já desapareceu outras vezes quando residia com seu pai em São Paulo.

Foto: Divulgação

A adolescente Gabrielli dos Santos Biz, de apenas 15 anos, moradora de Esplanada, está desaparecida.

Ela foi vista pela última vez por volta das 17h30 desta sexta-feira, dia 20, após descer do ônibus escolar em frente ao Jóia Lanches (apenas referência) no mesmo bairro em que reside.

Gabi, como é conhecida, já desapareceu outras vezes quando residia com seu pai em São Paulo. Segundo relato de sua prima Arilene Alves da Silva, com quem ela mora atualmente, a jovem teria se desentendido com outra colega na Escola Princesa Isabel de Morro da Fumaça onde estuda por causa de um menino e relatou que iria sumir após isso.

A menor estava vestindo o uniforme da escola quando desapareceu. Se alguém tiver informações pode repassar ao telefone 48 998230456 com Lene.

ATUALIZADA dia 23/4, às 07h23min – A adolescente já está em casa. Ela tentava ir para São Paulo, onde iria encontrar um amigo, sem o conhecimento dos primos com que reside. A menina, porém, não conseguiu passar de Jaguaruna. Ao chegar na cidade, ela foi pedir ajuda em uma casa e foi reconhecida. O casal conhecia o primo dela e avisaram a família.

Com informações do OIçara

Notícias Relacionadas

Após mais de 2 meses desaparecida, adolescente de 13 anos é resgatada de acampamento em mata de SC

Polícia Civil investiga suspeita de cárcere privado. Vizinho de 51 anos é procurado.

Jovem embriagado bate carro e dirige por 3 km com pneus estourados em Urussanga

Motorista de 19 anos colidiu antes em barranco na SC-445. Segundo a PMRv, ele tinha saído de uma festa onde passou a madrugada, momentos antes do acidente.

Jovem de 20 anos morre e homem fica ferido em acidente de trânsito em Meleiro

Dois carros bateram de frente na SC-108 na noite de sexta-feira (15).

Cão-bombeiro de SC morre em serviço durante busca por pessoa desaparecida em rio em Içara

Cachorro Barney pulou na água em Içara e não voltou mais à superfície. Em fevereiro, animal ajudou na procura por vítimas em Brumadinho (MG).