Segurança

Mulheres mortas em SC teriam furtado drogas de traficante, diz polícia

Segundo o delegado, as duas foram assassinadas cerca de duas semanas antes dos corpos serem encontrados

Divulgação

O assassinato de duas mulheres em Rio do Sul, no Alto Vale do Itajaí, está esclarecido para a Polícia Civil. Segundo as investigações, elas foram mortas porque supostamente furtaram drogas de um traficante da cidade. Os corpos foram encontrados no fim do mês de outubro, mas as vítimas teriam sido assassinadas cerca de duas semanas antes.

Duas pessoas estão presas pelos crimes.

Segundo o delegado Thiago Cardoso Silva, uma testemunhas contou que as mulheres teriam furtado drogas em um ponto de venda de entorpecentes e então o traficante local ordenou as mortes. O homem apontado como mandante foi preso na última sexta-feira (10) junto com um suspeito de ter efetuado os disparos contra as duas.

Ambos tiveram a prisão temporária decretada pela Justiça. Eles negam participação nos crimes.

Conforme os investigadores, o duplo homicídio ocorreu em 17 de outubro. O suposto furto das drogas teria ocorrido entre agosto e setembro. Os corpos de Jocimara Limas da Silva, 33 anos, e Ivone Firme, 39 anos, foram encontrados no dia 30 do mesmo mês em uma ribanceira da Estrada Geral Serra Canoas, já em avançado estado de decomposição.

A polícia acredita que elas foram mortas no local onde os corpos foram encontrados. Nesse intervalo, ninguém registrou o desaparecimento das mulheres, que tinham um relacionamento amoroso.

O inquérito segue aberto para apurar o possível envolvimento de ao menos mais uma pessoa nas execuções.

Durante o cumprimento dos mandados de prisão dos suspeitos de envolvimento nos assassinatos e das ordens de busca e apreensão, a polícia prendeu cinco adultos e apreendeu dois adolescentes pelos crimes de tráfico de drogas, associação ao tráfico e corrupção de menores.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Assassinato de policial pela filha de 12 anos em SC teve emboscada, traição e roubo, diz polícia

Investigação aponta ainda o envolvimento de outros três adolescentes no homicídio; inquérito foi concluído nesta quinta-feira (11)

Sequestro de menina em Palhoça teve como motivação abuso sexual e pornografia infantil, diz polícia

Segundo delegado, casal que está preso pelo crime aliciava crianças de famílias carentes para cometer abusos sexuais e produzir material pornográfico

Adolescente causou problema que deixou Treze de Maio sem vacina da Covid, diz polícia

Investigações apontaram que ele teria agido duas vezes na unidade de saúde

Sumiço de vacinas da Covid-19 em cidade de SC ocorreu por “desorganização”, diz polícia

Apuração do suposto furto de 10 doses no Vale do Itajaí mostra falha no cuidado com uma medicação "escassa e primordial para controle da pandemia", diz delegado