Trânsito

Obras de contenção da CCR ViaCosteira avançam na BR-101 Sul

Intervenções vêm acontecendo desde o início do ano e visam aumentar a segurança dos usuários da rodovia

Divulgação

A CCR ViaCosteira informa o avanço nas ações de intervenção às margens da BR-101 Sul/SC. As obras de contenção da encosta na faixa de domínio na rodovia acontecem, agora, na altura do km 271 no sentido Sul, em Imbituba. Conforme a Concessionária, tais ações já vêm acontecendo desde janeiro deste ano em Paulo Lopes, Laguna, Tubarão, Jaguaruna e Sombrio, além de Imbituba.

Entre as intervenções realizadas, acontece o grampeamento em tirantes que são telas de alta resistência chumbadas no terreno e aplicado a técnica de bioengenharia com aplicação de biomanta para proteger o solo, o que permite o controle de deslizamento dos blocos e fragmentos de rochas preservando a vegetação. Ainda, a Concessionária promoveu melhorias nos dispositivos de drenagem, como aumento da capacidade, além das ações permanentes de conservação que garantem a limpeza e desobstrução dos mesmos.

No total foram utilizados mais de 600 m² de biomanta, implantados mais de 400 m² de tela metálica de alta resistência e 400 metros de implantação de grampos metálicos. Ainda foram implantadas 145 placas metálicas para ancoragem.

As ações tiveram início através do monitoramento constante e periódico das encostas, a fim de estudar as melhores alternativas possíveis de intervenção, aliando, acima de tudo, segurança, qualidade e agilidade.

Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU)

Os profissionais que trabalham à frente desses serviços são acionados pelo Centro de Controle Operacional (CCO), que recebe os chamados e, imediatamente, avisa as equipes mais próximas para que o atendimento ocorra no menor tempo possível.

No total são 4 Bases de Atendimento ao Usuário (Imbituba km 267 sentido sul, Laguna km 305 pista sentido norte, Sangão km 354 pista sentido sul e Santa Rosa do Sul km 447 sentido norte),19 equipamentos, sendo: 6 ambulâncias, das quais 2 são UTI’s móveis, 5 guinchos entre leves e pesados, 6 viaturas de inspeção de tráfego, 2 caminhões para apreensão de animais, 2 caminhões de combate a incêndio e duas minis pás carregadeiras para atendimento a incidentes.

As viaturas de inspeção percorrem os 220 km, divididos em trechos, também 24 horas por dia. Se durante o percurso, a equipe visualizar qualquer fato incomum na rodovia ou algum usuário necessitando de apoio, eles realizam o primeiro atendimento e ficam à disposição do cliente.

Para entrar em contato, o usuário tem disponíveis o site www.ccrviacosteira.com.br, o aplicativo CCR Rodovias Sul, disponível para iOS e Android, o número do Disque CCR ViaCosteira que também atende ligação de celular a cobrar 0800 255 55 50 e o WhatsApp onde o cliente deve salvar o número (48) 3211-3130 na agenda de contatos.

CCR ViaCosteira

A CCR ViaCosteira é responsável pela administração de 220,4 quilômetros da BR 101, no Sul do estado de Santa Catarina, região de grande importância agroindustrial e turística por contar com algumas das mais belas praias do Brasil. A concessão passa por 19 municípios, entre Paulo Lopes e Passo de Torres, na divisa com o Rio Grande do Sul. A ViaCosteira responde, ainda, pela operação da Ponte Anita Garibaldi, em Laguna, e pelos Túneis Morro do Agudo, em Paulo Lopes, e Morro do Formigão, em Tubarão.

Notícias Relacionadas

Cachorro “aussaltante” é flagrado ao levar salame de padaria em Criciúma; veja vídeo

Tutor do animal se dispôs a pagar pelo prejuízo, mas padaria deixou salame de cortesia

Sequestro relâmpago acaba em grave acidente em SC

Duas pessoas foram feitas reféns no sequestro relâmpago; o criminoso tomou a direção do carro, mas bateu em seguida

Cidades da Serra têm alta de até 60% na economia em maio incomum com neve

Restaurantes, lojas e postos de combustíveis reforçaram lucros com "boom" de turistas

Serra do Corvo Branco é liberada de Urubici até o corte

Equipes coordenadas pela Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) trabalham na limpeza da rodovia e na recuperação de encostas há cerca de 10 dias, quando fortes chuvas atingiram Santa Catarina