Geral

Polícia Civil faz palestras para estudantes do Centro Educacional Meta

Policiais levaram o helicóptero, a delegacia móvel e uma viatura para os jovens conhecerem

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

Na tarde desta terça-feira (8), os alunos do Centro Educacional Meta tiveram uma surpresa: a visita de parte da corporação do Polícia Civil. Com os olhos atentos ao céu, os estudantes viram o Helicóptero do Serviço Aeropolicial pousar no pátio do colégio. Em seguida, chegou a unidade da Delegacia Móvel da 6ª Delegacia Regional da Polícia Civil e uma viatura. Mesmo com os veículos, o que mais animou as crianças foi a chegada da cadela policial Branca.

A diretora do Meta, Marlene Turazzi Moreira, explicou o motivo da visita dos policiais civis. “Os policiais vieram aqui para interagir com os alunos, explicar o serviço e trabalho deles, porque as crianças geralmente têm medo da polícia. Eles vieram mostrar as viaturas, o helicóptero e o que eles utilizam para ajudar a população. Eles também vão ter uma palestra com os alunos sobre drogas. Isso é para envolver toda a escola e para os alunos saberem o que eles fazem, o trabalho dos policiais”, detalha Marlene.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

Além dos estudantes do Centro Educacional Meta, as escolas estaduais Samuel Sandrini e Costa Carneiro também estiveram presentes no local. Com os alunos reunidos a Polícia Civil apresentou a Delegacia Móvel utilizada para registrar Boletins de Ocorrências e orientação para população. Logo após as crianças puderam entrar na viatura policial e conhecer até mesmo a caixa do veículo, onde é transportado os suspeitos.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

Entre as atrações principais estavam o Helicóptero da Saer e a cadela policial Branca. No helicóptero, as crianças podiam entrar, conhecer o veículo e ainda registrar o momento com fotos. Já a cadela Branca recebeu o carinho das crianças.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

O Delegado de Polícia de Orleans, Ulisses Gabriel, falou da importância de ações como esta para a aproximação com a comunidade. “Nós fizemos uma força-tarefa do bem para estar aqui junto com as crianças e adolescentes, para falarmos um pouco da Polícia Civil, da prevenção e repressão ao crime, do combate ao tráfico de drogas, furto e roubo. Então a Delegacia Regional de Criciúma, junto com a Polícia Civil de Orleans e o Saer, estão aqui presentes para orientar nesse caráter pedagógico que a polícia também tem que ter para cada vez mais aproximar a população e estar mais integrada com a sociedade”, destaca o delegado.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

Também estava presente na visita o Delegado Regional de Criciúma, Vitor Bianco Junior. Ele também falou da importância da integração da polícia com a sociedade. “Temos muitas crianças aqui e espero que eles realmente passem a conhecer um pouco melhor a nossa instituição, a nossa função e o serviço que é prestado pela Polícia Civil, até porque a Polícia Civil de Orleans se destaca pelos serviços que vem prestando e pelo trabalho que vem realizando aqui no município. Acho importante que toda essa criançada tenho conhecimento dos serviços prestados e um pouquinho da nossa estrutura”, ressalta.

Após conhecer os veículos policiais, os alunos se reuniram no pátio do colégio para ouvir uma palestra sobre o combate a drogas. Os alunos também tiveram a oportunidade de conhecer os materiais de trabalho dos policiais, como as armas e coletes à prova de bala.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

Delegacia Regional de Criciúma cria núcleo de palestras

O Delegado Vitor Bianco Junior informou que a 6ª Delegacia Regional de Criciúma criou um núcleo específico para ministrar palestras e educar a população em relação a Polícia Civil. “Estamos formando um núcleo na Delegacia Regional com 20 policiais com várias palestras prontas, com slides para atender esse tipo de demanda. Levaremos a nossa estrutura para as escolas, para podermos palestrar e passarmos essas informações que muitas vezes a sociedade não conhece a respeito da Polícia Civil”, comenta.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

O delegado ressaltou que a criação do núcleo surgiu da necessidade de atender uma grande demanda da população. “Em razão de um pedido que ocorreu em Lauro Müller e tantas palestras que são solicitadas na região de Criciúma, decidimos criar esse núcleo e já estamos com dez temas, para que possamos atender a demanda nos colégios municipais e estaduais, indústrias e todo tipo de situação que podemos ser demandados”, explica.

O delegado Ulisses Gabriel contou que a visita da corporação em escolas já ocorreu em Lauro Müller e que as participações da Polícia Civil em ações com crianças e adolescente é frequente e pretende fazer uma integração da Polícia Civil com a sociedade.

Veja mais fotos:

  • IMG_9551
  • IMG_9557
  • IMG_9558
  • IMG_9563
  • IMG_9567
  • IMG_9569
  • IMG_9573
  • IMG_9575
  • IMG_9579
  • IMG_9585
  • IMG_9587
  • IMG_9589
  • IMG_9595
  • IMG_9598
  • IMG_9601
  • IMG_9606
  • IMG_9613
  • IMG_9625
  • IMG_9628
  • IMG_9631
  • IMG_9635
  • IMG_9645
  • IMG_9647
  • IMG_9663
  • IMG_9664
  • IMG_9672
  • IMG_9675
  • IMG_9682
  • IMG_9685
  • IMG_9693
  • IMG_9697
  • IMG_9698
  • IMG_9699
  • IMG_9700
  • IMG_9703
  • IMG_9707
  • IMG_9716
  • IMG_9722
  • IMG_9725
  • IMG_9728
  • IMG_9736
  • IMG_9741
  • IMG_9743
  • IMG_9751
  • IMG_9754
  • IMG_9759
  • IMG_9764
  • IMG_9772
  • IMG_9776
  • IMG_9787
  • IMG_9788

Notícias Relacionadas

Morador é executado com cinco tiros em Criciúma

Segundo informações, a vítima saiu recentemente do presídio e possui passagens por pedofilia e estupro de vulnerável.

Polícia Civil apresenta dados positivos na repressão de roubos em Criciúma com prisões realizadas e criminosos identificados

Comparado com 2018, os dados indicam redução de roubos com uso de arma de fogo, roubos em residência e roubos com mais de três autores, com estabilização da quantidade de roubos gerais.

Polícia Civil indicia e prende homem suspeito de realizar dois roubos armados em Criciúma

Os crimes investigados ocorreram no fim de janeiro deste ano, ambos no bairro Jardim Maristela

Polícia Civil cumpre mandados contra suspeitos de latrocínio em Sombrio