Segurança

Polícia Federal finaliza inquérito da Operação Benedetta

No inquérito policial, iniciado em setembro de 2020, foram indiciadas 14 pessoas, entre servidores públicos municipais, engenheiros e empresários

Giroflex PM foto noturna

Divulgação

Nesta segunda-feira (13/09/21) a Polícia Federal encaminhou à Justiça Federal o relatório final do inquérito policial decorrente da Operação Benedetta, deflagrada em 20/05/2021.

As investigações possibilitaram constatar a execução de obras públicas em desacordo com os projetos. Em apenas duas das obras realizadas com recursos do FINISA os exames periciais identificaram a prestação de serviços superfaturados em valor superior a 640 mil reais.

No inquérito policial, iniciado em setembro de 2020, foram indiciadas 14 pessoas, entre servidores públicos municipais, engenheiros e empresários, pela prática dos crimes de organização criminosa; desvio de recursos; extravio, sonegação ou inutilização de livro ou documento; falsidade ideológica e peculato.

As penas, que culminadas podem chegar a 29 anos de reclusão, podem variar e não necessariamente serão imputadas de maneira igual a todos os envolvidos, pois cada investigado responderá na medida de sua culpabilidade.

Notícias Relacionadas

Ex-prefeito de Criciúma é preso após perseguição policial

Márcio Burigo, posteriormente identificado, desobedeceu a ordem legal dos policiais e se evadiu por cerca de dois quilômetros

Filezão: diversos celulares são furtados durante o evento; organizador é notificado por conta da aglomeração

O evento reuniu milhares de pessoas.

Rayssa Leal e Lucas Rabelo são os campeões da etapa de Criciúma do STU National

Maranhense e cearense largam na frente no circuito brasileiro 2022, iniciando o ano como terminaram 2021: com título

Três mulheres ficam feridas em acidente no centro de Cocal do Sul

O acidente aconteceu na rua Edson Gaidzinski