Segurança

Polícia investiga morte de motorista de aplicativo de SC encontrado às margens da BR-470

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), ele tinha marcas de tiro no rosto

Divulgação

O homem encontrado morto na manhã de segunda-feira (13) às margens da BR-470, em Blumenau, foi identificado como Idiomar Sanzovo, de 35 anos. Ele era morador de Itapoá e, segundo a Polícia Civil, trabalhava como motorista de aplicativo.

Idiomar estava dentro de um carro e foi encontrado já sem sinais vitais. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), ele tinha marcas de tiro no rosto. Um inquérito policial foi instaurado ainda na segunda-feira e o caso está sendo apurado pela Delegacia de Investigação Criminal (DIC) de Blumenau, no Vale do Itajaí.

Segundo o delegado Ronnie Esteves, nenhuma linha de investigação sobre a morte pode ser descartada até o momento, mas a suspeita inicial é de homicídio seguido de latrocínio, já que, segundo o delegado, o celular da vítima foi levado.

— Mas ainda não temos todas as informações sobre a vítima — disse.

A polícia já ouviu familiares do homem e, nesta semana, segue ouvindo amigos e pessoas próximas. O que se sabe até o momento é que Idiomar tinha filhos e morava no Norte catarinense.

— Ele fazia corrida de aplicativo. Às vezes, aceitava corrida fora do aplicativo, mas, segundo familiares, só de conhecidos. Ainda não sabemos o que de fato ele estava fazendo aqui em Blumenau. Tudo está sendo investigado — confirma o delegado.

Projéteis de bala não foram encontrados

O corpo de Idiomar foi encontrado pela PRF por volta das 4h da madrugada, próximo ao prédio da antiga Dudalina, em Blumenau. Ele estava dentro do Toyota Etios, com placas de Garuva.

A vítima estava no banco do motorista e, conforme informações da polícia, nenhuma arma e cápsula de projétil foram encontrados no automóvel, o que indica um possível assassinato.

O carro em que o homem foi encontrado não tinha registro de roubo ou furto, conforme a PRF.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Secretaria de Saúde de Criciúma realiza ação para relembrar um ano de vacinação e início da aplicação em crianças

Há um ano, a primeira dose da vacina contra Covid-19 era aplicada em Criciúma

Criciúma é a única cidade da Amrec a conquistar medalhas de ouro na Obmep

Ao todo, 100 alunos das escolas municipais são premiados com medalhas e menções honrosas, além de quatro professores que também foram destaques

TeleCovid: mais de 1200 atendimentos são realizados no primeiro dia

Serviço de atendimento remoto foi retomado nessa terça-feira

Fiz o Enem, que curso escolher agora? Orientadora profissional comenta afirma que curso precisa ter o DNA de cada um

A resposta pode estar nas questões básicas diárias para compreender as áreas de interesse