Geral

Prefeitura de Orleans realiza mutirão para zerar fila de espera nas cirurgias de catarata

Objetivo é devolver a qualidade de vida a 36 orleanenses

Foto: Divulgação

A Administração Municipal de Orleans por meio das Secretaria de Saúde e Assistência Social, iniciou na segunda-feira 11, um mutirão de cirurgias de catarata, para beneficiar cerca de 36 pessoas que estavam na fila de espera. De acordo com o prefeito Jorge koch, o objetivo é zerar nesta semana a fila de espera de pacientes cadastrados no Sistema de Regulação da cidade.

O serviço está sendo realizado na Associação Hospitalar Nossa Senhora de Fátima, na cidade de Praia Grande, especializada no procedimento e conveniada ao SUS. As cirurgias acontecem durante essa semana.

Com o final da fila de espera, a Secretária Luana Debiasi explica que para dar tudo certo, toda a administração se empenhou desde passando a Assistência Social com o transporte, passando pelo chefe de gabinete Gabriel Bianco solicitando a viabilidade do transporte para um número maior de pacientes dinamizando a organização desse ‘sonho’, formando um verdadeiro ‘time’ nessa administração”, menciona a Secretária.

“A catarata, associada ao envelhecimento da população, é a principal causa de cegueira no mundo” explicou o vice-prefeito Mário Coan, mencionando que os pacientes que necessitam da cirurgia e que ainda não estão inscritos no Sistema de Regulação, devem procurar a Central de Regulação do município, procurando primeiro a Unidade de Saúde que está cadastrado.

A campanha de cirurgias Eletivas será gerenciada pela secretaria de estado de saúde, Ses/SC, acompanhada pelas comissões intergestoras regionais e estaduais.

Como é feita a cirurgia

Foto: Divulgação

A cirurgia é feita, geralmente, sob anestesia local, que pode ser tanto por injeção quanto pela utilização de colírios anestésicos. O procedimento, geralmente, é rápido, durando cerca de 30 minutos e não provoca dor durante o ato cirúrgico. A recuperação em geral é rápida e, em torno de 1 semana a pessoa já pode fazer grande parte de suas atividades rotineiras.

A cirurgia acontece a partir de um corte na córnea que permite que seja retirado o cristalino danificado, que é substituído por uma lente artificial transparente capaz de restaurar a visão da pessoa.

Uma opção mais recente e moderna de cirurgia consiste em um laser capaz de realizar várias etapas do procedimento cirúrgico. Sabe-se, entretanto, que o laser na cirurgia de catarata habitual não se mostra melhor que um cirurgião experiente. Em casos de alterações anatômicas significativas, o laser mostra um diferencial importante, pois auxilia o cirurgião em algum passo que pudesse ser mais desafiador para o mesmo. Saiba mais sobre os novos tratamentos para catarata.

Riscos da cirurgia para catarata

A cirurgia é um procedimento geralmente rápido e, devido ao desenvolvimento técnico tanto dos aparelhos como dos médicos oftalmologistas, apresenta altas taxas de sucesso, lembrando que não é isento de complicações, entre elas infecções que podem levar à cegueira definitiva. A recuperação em geral é rápida e, em torno de 1 semana a pessoa já pode fazer grande parte de suas atividades rotineiras.

No caso da catarata congênita, o risco de é maior, pois a cirurgia é mais desafiadora, além de todo o processo de cicatrização da criança ser diferente do adulto. O acompanhamento após a cirurgia é fundamental para que a visão da criança possa ser estimulada da melhor forma possível e que sejam corrigidos sempre que necessário os problemas de refração (grau dos óculos) para uma melhor visão.

Como é a recuperação

A recuperação em geral é rápida e, em torno de 1 semana a pessoa já pode fazer grande parte de suas atividades rotineiras. Para um cuidado adequado, deve-se:

♦ Utilizar óculos de sol sempre que sair na rua, pelo menos durante 24 horas;

♦ Repousar nos primeiros 2 dias, evitando fazer esforços excessivos;

♦ Colocar os colírios anti-inflamatórios, de acordo com a indicação do médico.

Colaboração: Robson Lunardi – Assessor de Comunicação da Prefeitura de Orleans

Notícias Relacionadas

Secretaria de Saúde de Criciúma reforça chamado de gestantes, puérperas e crianças para vacinação contra influenza

Agentes Comunitários de Saúde visitarão as residências para monitoramento e intensificação de informações por causa da baixa adesão à campanha nacional

Sentença de pronúncia levará para júri casal acusado por homicídio cometido com espada em Orleans

Segundo os autos, os crimes aconteceram em março deste ano, no bairro Rio das Furnas

Ex-secretário de Administração de Orleans e empresa tem bens bloqueados

Segundo o Ministério Público, Eduardo Bertoncini era responsável pela pasta na gestão do ex-prefeito Marco Antônio Bertoncini Cascaes

Apoio ao candidato Vitorassi para eleição da Coorsel se intensifica durante reuniões com associados

Na noite de hoje (16), às 19h30min, os associados da comunidade de São Gabriel são convidados a participarem do encontro com os candidatos, em Treze de Maio.