Geral

Programa Lar Legal entrega matrículas de imóveis para braçonortenses

A cerimônia de entrega acontece na quinta-feira, 19, às 19h30min, no auditório Luiz Antônio Weber, na Unisul/Weber de Braço do Norte, no bairro Rio Bonito

Divulgação

A partir de quinta-feira, 19, 60 famílias braçonortenses receberão as matrículas de seus imóveis (lotes) através do Programa Lar Legal, programa de regularização de propriedades, idealizado pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina, realizado em parceria com a Prefeitura de Braço do Norte e o Ministério Público de Santa Catarina.

A cerimônia de entrega acontece na quinta-feira, 19, às 19h30min, no auditório Luiz Antônio Weber, na Unisul/Weber de Braço do Norte, no bairro Rio Bonito.

Conforme o prefeito, Beto Kuerten Marcelino, esta é a realização de um antigo sonho destas 60 famílias. “O poder público está fazendo a sua parte, que é proporcionar dignidade a estas famílias. Estamos trabalhando, através da Secretaria de Planejamento para que outras famílias também tenham o sonho de regularização efetivado”.

Esta é a terceira vez que o Programa Lar Legal beneficia famílias em Braço do Norte. Em 2018 foram entregues 21 matrículas para moradores do loteamento Airton José Alves, no Lado da União. Em 2019 outras 29 famílias foram contempladas com as escrituras.

Desta vez, serão 60 matrículas, 20 do Loteamento Ageu Torres, no bairro Sertão do Rio Bonito, 15 do Loteamento Solange, do Rio Bonito e 25 dos Loteamentos José Arnauts e José Schlickmann, dos bairros Santa Luzia e Lado da União.

Notícias Relacionadas

Balneário Rincão ganha rota gastronômica com 26 locais para conhecer

Iniciativa faz parte do Plano Municipal de Turismo e visa transformar a cidade em um destino turístico durante o ano inteiro

Região Sul do país tem melhora nas desigualdades sociais em saúde, diz FioCruz

Mesmo com a “ligeira redução”, como define a FioCruz, 65 dos 84 municípios que estiveram classificados na lista dos mais desiguais da Região Sul no início da pandemia permanecem nessa condição

SC tem aumento de 271% dos casos confirmados de dengue no 1º semestre de 2022

No Estado, 77 pessoas tiveram mortes confirmadas pela dengue neste ano

Criança de 2 anos é atropelada por ônibus em SC

Bombeiros informaram que a menina teve ferimentos graves e foi levada ao hospital; ela sofreu fraturas expostas