Geral

Programa Mulheres Cooperativista da Coorsel inicia em noite embalada por conhecimento e diversão

O primeiro dos 12 encontros foi realizado nesta quarta-feira, dia 20, e contou com dinâmicas divertidas e palavras transformadoras.

Foto: Ketully Beltrame

Aprendizado, autoconhecimento, novas amizades, sair da rotina. Estas foram as razões citadas pelas 45 inscritas no programa Mulheres Cooperativistas. São diferentes histórias que se cruzam com objetivos semelhantes. Nesta quinta-feira, dia 20, elas se encontraram no auditório da Coorsel, em Treze de Maio, em busca de uma melhor versão de si mesmas. Esta oportunidade de desenvolvimento está sendo ofertada de forma gratuita pela cooperativa.

A iniciativa é desenvolvida pela Coorsel em parceria com o Sindicato e Organização das Cooperatisvas do Estado de Santa Catarina (Sescoop/SC). Os 12 encontros serão realizados quinzenalmente, sempre nas noites de quartas-feiras, e o intuito é a formação de lideranças femininas. O curso é comandado pelo filósofo, psicanalista, escritor e especialista em saúde mental, Renato Oliveira.

O profissional, que conduziu a noite com dinâmicas divertidas e palavras transformadoras, explica sobre o que será ofertado dentro do Mulheres Cooperativistas. “Este curso busca uma transformação pessoal ao abordar os diversos temas propostos. Tenho certeza que, ao fim, todas elas perceberão uma mudança positiva. O programa busca trabalhar muito sobre o tema amor próprio e autoestima para que as mulheres se valorizem cada vez mais e encontrem a sua vocação, o seu chamado”, declarou.

A vereadora Mirieli Giraldi Magagnin foi uma das inscritas e avaliou a iniciativa. “Este é um incentivo para que nós mulheres busquemos cada vez mais nos aperfeiçoarmos e fazer a diferença na sociedade, no nosso lar ou no ambiente de trabalho. Parabéns e obrigada à Coorsel”, afirmou.

A primeira-dama Rosana Nogaredo também participou do encontro e enalteceu a iniciativa. “Agradeço ao Vitorassi e também a toda a equipe da Coorsel. Sei que muitas outras mulheres gostariam de estar aqui. As vagas são limitadas, mas outras oportunidades virão. Estou muito feliz e com a expectativa de aprender, confraternizar e sair um pouco da rotina. Tenho certeza que todas nós sairemos daqui muito mais poderosas”.

Por fim, o presidente Ivanir Vitorassi falou sobre a satisfação de realizar este projeto. “Vocês não fazem ideia da felicidade que é para nós recebe-las aqui. Este é apenas o início. Hoje, o mundo do cooperativismo é predominantemente comandado por homens. Mas eu busco mudar isso, pois sei do potencial e acredito no poder das mulheres. Então busquei recurso junto ao Sescoop para realizar este curso e espero dar continuidade aqui em Treze de Maio e levar futuramente também para Orleans, Tubarão e Pedras Grandes”, projetou.

Conteúdos e benefícios oferecidos

Dentro do programa, estão os seguintes conteúdos programáticos: Educação Cooperativista, Liderança Feminina, Desenvolvimento Interpessoal, Relacionamento Familiar, Desenvolvimento da Comunicação e Oratória, Organização do Quadro Social e Inteligência Emocional. Apostila, material e lanche serão oferecidos pela Coorsel. Ao fim do curso, será realizada uma cerimônia de formatura, onde elas receberão o certificado. Além disso, será ofertado um jantar para a participante e um acompanhante.

Notícias Relacionadas

Rodovia de Criciúma onde morreu empresário fica pronta em dez dias

Previsão de entrega da revitalização de um dos acessos de Criciúma teve o cronograma readaptado, mas agora está no novo prazo previsto

Mulher é atingida com tijolada na cabeça por marido bêbado em SC

Vítima foi parar no hospital e precisou de pontos cirúrgicos na cabeça. Agressor foi preso em flagrante

Prazo para aderir ao Relp termina dia 31, alerta Receita Federal

Pagamento pode ser feito em até 180 vezes

Homem em situação de rua é agredido com pedras por duas pessoas em SC, diz PM

Agressões só pararam quando um motorista que passava pelo centro começou a buzinar. Ninguém foi preso.