Política

Ricardo Guidi (PSD) ganha vaga de Ana Paula Lima (PT) na Câmara após liminar do TSE

O PT pediu a reanálise da questão após o primeiro turno das eleições, quando faltou apenas um voto para que o partido conseguisse eleger Ana Paula Lima.

Foto: Divulgação

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) atendeu a pedido de liminar e determinou a suspensão do deferimento da candidatura a deputada federal de Ivana Laís, do Partido dos Trabalhadores. Com isso, os 491 votos de Ivana que haviam se somado ao coeficiente do PT foram retirados e Ana Paula Lima deixou de figurar na lista de deputados eleitos. Volta a ocupar a cadeira Ricardo Guidi (PSD), que foi o nome que apareceu entre os 16 eleitos no dia 7 de outubro.

A candidatura de Ivana foi indeferida por não apresentar uma certidão do Tribunal Regional Federal da 4ª região, obrigatória a todos os candidatos. O PT pediu a reanálise da questão após o primeiro turno das eleições, quando faltou apenas um voto para que o partido conseguisse eleger Ana Paula Lima.

A maioria no TRE-SC aceitou o argumento da defesa de que Ivana, que não tinha advogado, deveria ter sido pessoalmente notificada a apresentar o documento que faltava e não apenas no mural eletrônico – praxe no tribunal.

Com informações do site Diário Catarinense

Notícias Relacionadas

Novos nomes do PSD se reúnem para discutir ações para as eleições deste ano

Liminar determina atualização de valores repassados a hospital filantrópico de Laguna

Recursos provenientes de convênios firmados com o Município de Laguna e o Estado de Santa Catarina estão sem atualização monetária, enquanto déficit do Hospital de Caridade aumenta.

Mensagem sobre multa para quem não fizer biometria é falsa

PSL emite nota sobre estado de saúde de Comandante Moisés

Conforme o texto, o candidato a governador foi diagnosticado com infecção aguda das vias aéreas superiores recebendo atendimento médico em casa.