Geral

Subestação de energia elétrica começa a ser instalada em Siderópolis

Estrutura integra obra bilionária de reforço energético para o Estado de Santa Catarina.

Foto: Divulgação

A EDP Transmissão Aliança SC, empresa constituída pela EDP Brasil e pela Celesc, deu início à construção de uma subestação de energia elétrica no município de Siderópolis. Esta será a primeira etapa da implantação dos projetos que compõem o Lote 21 do Leilão de Energia da ANEEL 005/2016, que inclui 433 quilômetros de linhas de transmissão passando por 28 municípios catarinenses e a Subestação Siderópolis II.

A implantação da nova subestação, em particular, envolverá a geração de 190 postos de trabalho diretos, e mais 100 indiretos na região. As obras serão de responsabilidade da empresa catarinense WEG S/A e o prazo para a conclusão é de 20 meses.

Em paralelo a esses trabalhos, serão desenvolvidas ações de mitigação e compensação socioambientais previstas no Projeto Básico Ambiental – PBA, por meio dos seguintes programas: Programa de Gestão Ambiental; Programa Ambiental para Construção; Programa de Mitigação de Acidentes com a Fauna; Programa de Comunicação Social; Programa de Indenização da Faixa de Servidão; Programa de Recuperação de Áreas Degradadas – PRAD; Programa de Monitoramento das Interferências Eletromagnéticas e o Programa de Compensação Ambiental.

O Programa de Comunicação Social, em especial, funcionará como um canal entre a empresa e a população, facilitando a interlocução entre ambas as partes, para que todas as informações pertinentes à implantação do projeto cheguem à comunidade de forma rápida e transparente.

Benefício Regional

Segundo o presidente da EDP Transmissão Aliança, Luiz Otavio Henriques, a Subestação Siderópolis II, juntamente com as cinco Linhas de Transmissão do Lote 21 serão de extrema importância para o reforço energético do estado, permitindo que Santa Catarina continue expandindo seu potencial econômico, atraindo indústrias e fomentando a criação de emprego e renda para a população. A nova subestação de Siderópolis, por sua vez, permitirá redistribuir a demanda atual na região e diminuir a dependência da termelétrica de Jorge Lacerda, reforça o presidente.

Sobre a EDP Transmissão Aliança SC

A EDP Transmissão Aliança SC é uma concessionária de serviço público de energia elétrica constituída em 2017 por meio de uma sociedade de propósito específico formada por duas empresas já consolidadas no setor elétrico brasileiro, a EDP Brasil e a Celesc Geração. A companhia arrematou o lote 21 do Leilão de Concessão do Serviço Público de Transmissão de Energia Elétrica nº 05/16, realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) em abril de 2017.

Sobre a EDP no Brasil

Com mais de 20 anos de atuação, a EDP Brasil é uma das maiores empresas privadas do setor elétrico a operar em toda a cadeia de valor. A Companhia, que tem mais de 10 mil colaboradores diretos e terceirizados, atua em Transmissão, Comercialização e Soluções em Energia, e possui seis unidades de geração hidrelétrica e uma termelétrica.

Em Distribuição, atende cerca de 3,4 milhões de clientes em São Paulo e no Espírito Santo. Recentemente, tornou-se a principal acionista da Celesc, em Santa Catarina. No Brasil, é referência em áreas como Inovação, Governança e Sustentabilidade, estando há 13 anos consecutivos no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3.

Colaboração: Thainá Rodrigues

Notícias Relacionadas

Empresa terá que pagar multa por corte indevido de energia elétrica em Criciúma

O caso foi julgado pelo Juizado Especial Cível da comarca de Criciúma em pouco mais de um mês do início da ação. A rapidez se deve ao uso do sistema e-proc.

Painéis solares vão gerar energia no IFSC Criciúma

Três anos depois de inaugurada, Ponte Anita Garibaldi continua “sem dono”

Área central de Orleans fica sem energia por quase uma hora

O problema atingiu todo o Centro e parte do bairro Barro Vermelho.