Geral

Subestação de energia elétrica começa a ser instalada em Siderópolis

Estrutura integra obra bilionária de reforço energético para o Estado de Santa Catarina.

Foto: Divulgação

A EDP Transmissão Aliança SC, empresa constituída pela EDP Brasil e pela Celesc, deu início à construção de uma subestação de energia elétrica no município de Siderópolis. Esta será a primeira etapa da implantação dos projetos que compõem o Lote 21 do Leilão de Energia da ANEEL 005/2016, que inclui 433 quilômetros de linhas de transmissão passando por 28 municípios catarinenses e a Subestação Siderópolis II.

A implantação da nova subestação, em particular, envolverá a geração de 190 postos de trabalho diretos, e mais 100 indiretos na região. As obras serão de responsabilidade da empresa catarinense WEG S/A e o prazo para a conclusão é de 20 meses.

Em paralelo a esses trabalhos, serão desenvolvidas ações de mitigação e compensação socioambientais previstas no Projeto Básico Ambiental – PBA, por meio dos seguintes programas: Programa de Gestão Ambiental; Programa Ambiental para Construção; Programa de Mitigação de Acidentes com a Fauna; Programa de Comunicação Social; Programa de Indenização da Faixa de Servidão; Programa de Recuperação de Áreas Degradadas – PRAD; Programa de Monitoramento das Interferências Eletromagnéticas e o Programa de Compensação Ambiental.

O Programa de Comunicação Social, em especial, funcionará como um canal entre a empresa e a população, facilitando a interlocução entre ambas as partes, para que todas as informações pertinentes à implantação do projeto cheguem à comunidade de forma rápida e transparente.

Benefício Regional

Segundo o presidente da EDP Transmissão Aliança, Luiz Otavio Henriques, a Subestação Siderópolis II, juntamente com as cinco Linhas de Transmissão do Lote 21 serão de extrema importância para o reforço energético do estado, permitindo que Santa Catarina continue expandindo seu potencial econômico, atraindo indústrias e fomentando a criação de emprego e renda para a população. A nova subestação de Siderópolis, por sua vez, permitirá redistribuir a demanda atual na região e diminuir a dependência da termelétrica de Jorge Lacerda, reforça o presidente.

Sobre a EDP Transmissão Aliança SC

A EDP Transmissão Aliança SC é uma concessionária de serviço público de energia elétrica constituída em 2017 por meio de uma sociedade de propósito específico formada por duas empresas já consolidadas no setor elétrico brasileiro, a EDP Brasil e a Celesc Geração. A companhia arrematou o lote 21 do Leilão de Concessão do Serviço Público de Transmissão de Energia Elétrica nº 05/16, realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) em abril de 2017.

Sobre a EDP no Brasil

Com mais de 20 anos de atuação, a EDP Brasil é uma das maiores empresas privadas do setor elétrico a operar em toda a cadeia de valor. A Companhia, que tem mais de 10 mil colaboradores diretos e terceirizados, atua em Transmissão, Comercialização e Soluções em Energia, e possui seis unidades de geração hidrelétrica e uma termelétrica.

Em Distribuição, atende cerca de 3,4 milhões de clientes em São Paulo e no Espírito Santo. Recentemente, tornou-se a principal acionista da Celesc, em Santa Catarina. No Brasil, é referência em áreas como Inovação, Governança e Sustentabilidade, estando há 13 anos consecutivos no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3.

Colaboração: Thainá Rodrigues

Notícias Relacionadas

Empresa terá que pagar multa por corte indevido de energia elétrica em Criciúma

O caso foi julgado pelo Juizado Especial Cível da comarca de Criciúma em pouco mais de um mês do início da ação. A rapidez se deve ao uso do sistema e-proc.

Painéis solares vão gerar energia no IFSC Criciúma

Três anos depois de inaugurada, Ponte Anita Garibaldi continua “sem dono”

Usina Solar Fotovoltaica garante redução de energia no Hospital Santa Teresinha

Doados pela Cerbranorte Distribuição, os equipamentos somam aproximadamente R$ 660 mil.