Geral

2ª edição do Salão do Imóvel de Criciúma já tem data marcada, em Criciúma

Evento será realizado de 25 a 27 de maio e terá ainda mais facilidades nas condições de financiamento.

Foto: Arquivo / Salão do Imóvel

A segunda edição do Salão do Imóvel de Criciúma já tem data para acontecer. Realizado pelo Sindicato da Habitação do Sul de Santa Catarina – Secovi Sul/SC, em parceria com a Caixa Econômica Federal – CEF, o evento ocorre de 25 a 27 de maio. Desta vez, ele acontece no Pavilhão de Exposições José Ijair Conti, no bairro Santa Bárbara, e estará com novidades.

A principal delas é em relação às condições de financiamento. Assim como na edição anterior, a maioria dos imóveis e terrenos poderá ser financiada de acordo com as normas do Programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal, cujo principal banco financiador é a Caixa. A novidade deste ano é a redução das taxas de juros do crédito imobiliário e as facilidades para quem possui renda mensal a partir de R$ 1,5 mil.

“Para quem recebe a partir de R$ 1,5 mil por mês, o Governo libera o subsídio de até R$ 28 mil e quase 100% do valor total do imóvel pode ser financiado, isso para imóveis de até R$ 100 mil. É o chamado Minha Casa, Minha Vida – Faixa Um e Meio, uma novidade bastante atrativa”, explica o vice-presidente do Secovi Sul/SC, Juarez Sabino.

O presidente do Sindicato, Helmeson Cesar Machado, destaca que, além disto, o 2º Salão do Imóvel estará 30% maior do que em 2017. “Teremos 25 estandes de imobiliárias e construtoras de Criciúma e região. As empresas vão apresentar promoções, como descontos, preços especiais em alguns produtos e também haverá sorteio de brindes para clientes que fecharem contratos durante o evento”, adianta Machado.

Além de apartamentos, casas e terrenos que já estão no portfólio das construtoras e imobiliárias, a expectativa é que de 1,8 mil a dois mil imóveis sejam lançados durante o Salão. O valor mínimo dos lotes será de R$ 65 mil e dos imóveis será R$ 100 mil. Não há pré-requisitos necessários. Interessados em fechar negócios devem ter em mãos um documento de identidade, CPF e comprovantes de renda e de residência para realizar o pré-cadastro e a análise de financiamento.

Na edição anterior foram negociados aproximadamente R$ 40 milhões e cerca de 300 negócios foram fechados. O 2º Salão do Imóvel de Criciúma funcionará no dia 25, das 18h30min às 22 horas; no dia 26, das 10 às 22 horas; e no dia 27, das 10 até às 19 horas.

Colaboração: Vanessa Amando/Partner NB Comunicação

Foto: Arquivo / Salão do Imóvel

Notícias Relacionadas

Escolha Unesc: Últimos dias para ingressar na Universidade pelo histórico escolar

Calouros podem ainda ser beneficiados com bolsas ou financiamento.

Mulher é assaltada no portão de casa em Tubarão

Vítima teve o carro e pertences levados pelos assaltantes. Crimes ocorreu em uma residência no bairro Dehon.

Projeto de lei prevê multa pesada a proprietários de terrenos baldios em Tubarão

Caixa renegocia dívidas até dia 30 de junho