Esporte

Tigre não pensa em administrar placar

Técnico Cláudio Tencati ressalta que time precisa ter mentalidade vencedora para buscar um novo triunfo, amanhã, em Tubarão

Foto: Celso da Luz

Com uma ampla vantagem, nas semifinais do Catarinense, o Criciúma não se acomodará para garantir uma vaga na final do Catarinense. Isso é o que admite o técnico Cláudio Tencati. Para ele, o placar de 2 a 0, no confronto do último sábado, foi bom, mas o time precisa ter mentalidade vencedora para chegar à final. “Em jogos decisivos, é uma vantagem boa, mas vem a mentalidade vencedora. Não podemos pensar em administrar o placar. O Criciúma tem suas estratégias e podemos tirar proveito disso”, destaca o treinador. As informações são do TNSul

Se mantenha informado em tempo real! Clique aqui e siga o Sul in Foco no Instagram. Informações e notícias sobre a região na palma da sua mão!

O Tricolor Carvoeiro teve chances de ampliar o placar, principalmente na primeira etapa, no jogo de ida. Com apenas 10 gols marcados, em 12 jogos, o Hercílio Luz precisará marcar, ao menos, dois gols, amanhã, para levar o jogo aos pênaltis. Qualquer derrota por um gol de diferença, ou empate, garante a vaga na final para o Criciúma.

Sob comando de Tencati, o Criciúma nunca perdeu por três gols de diferença. Até agora, o treinador tem 74 partidas na casamata carvoeira e as maiores derrotas foram por dois gols de diferença, contra Novorizontino e Operário-PR, ambas na Série B do ano passado. A última derrota do Criciúma por três gols de diferença aconteceu na Série C de 2021. Sob comando de Paulo Baier, o Tigre perdeu para o Ituano por 3 a 0.

Time está invicto, fora de casa, no Estadual

Com duas vitórias e cinco empates, em sete jogos longe do Majestoso, no Estadual desse ano, o Criciúma ainda não conheceu derrotas jogando fora de casa. Esse retrospecto é um dos triunfos carvoeiros para o jogo de amanhã. “Temos mais 90 minutos para jogar e serão 90 minutos de entrega. Temos que jogar bem defensivamente e ofensivamente. Eles vão se expor e temos a nossa estratégia”, comenta Tencati.

Para o confronto decisivo de amanhã, o goleiro Gustavo, o volante Arilson e o atacante Éder são dúvidas. Eles serão reavaliados até momentos antes do jogo para saber se terão condições de atuar. Gustavo reclama de dores no ombro, enquanto Arilson tem desconforto no joelho e Éder reclamou de dor no músculo posterior da coxa.

Quer receber as principais notícias da região? Clique aqui e entre no nosso grupo de WhatsApp e fique atualizado de forma rápida e confiável 

Alguns jogadores também apresentaram sintomas gripais, como foi o caso do zagueiro Rayan, que acabou ficando de fora. Tencati mostrou desconforto com a situação que afligiu diversos jogadores. “Que não aconteça mais caso gripal que nos tire atleta. O departamento médico tem trabalhado bem, mas tiveram questões que irritaram mais do que o normal”, finaliza Tencati.

Com informações do TNSul

Notícias Relacionadas

Tigre se reapresenta para treino depois de derrota no final de semana

O Tigre enfrenta o Sport no próximo sábado, 9, às 20h45, na Ilha do Retiro, em Recife (PE). Os carvoeiros seguem com 44 pontos no G4 da Série B

Tigre vence e assume a liderança da Série C

Com chuva e gramado molhado, Criciúma supera o Novorizontino por 1 a 0.

Argel deixa o Tigre com 40% de aproveitamento

Passagem é a pior entre as três que o treinador teve pelo Tricolor Carvoeiro.

Hercílio Luz vence fora e Criciúma empata em casa: confira como foi a primeira rodada do Catarinense