Segurança

[VÍDEO] Saiba como foi localizado e morto o suspeito por envolvimento na morte de delegado aposentado em Criciúma

Foto: Divulgação/PCSC

A Polícia Civil de Santa Catarina reúne esforços para elucidar o crime de latrocínio e capturar os envolvidos na morte do delegado aposentado José Tadeu Vargas dos Santos, de 66 anos, alvejado em um confronto com criminosos no último dia 06 de janeiro deste ano, em um bar na localidade de Capão Bonito, em Criciúma.

Na tarde desta sexta-feira, 27, por volta das 17h foi localizado o paradeiro de mais um dos investigados pela participação do crime. O suspeito estava numa comunidade rural do interior do Município de Cocal do Sul. O homem, de 28 anos entrou em confronto com os policiais civis e foi morto. Ele estava armado com uma pistola.

Segundo o delegado Anselmo Cruz, da Diretoria de Investigações Criminais (DEIC/PCSC), este criminoso que revidou à abordagem policial foi um dos que entraram armados no bar onde ocorreu o crime que tirou a vida do Delegado Vargas.

A investigação do caso é realizada conjuntamente pelas equipes da Divisão de Investigação Criminal de Criciúma e da DEIC.

Quer receber as principais notícias da região? Clique aqui e entre no nosso grupo de WhatsApp e fique atualizado de forma rápida e confiável 

Desdobramento das investigações 

Dos cinco investigados pelo latrocínio, três já estão presos. Apenas um investigado permanece foragido, com mandado de prisão pelo crime em aberto. As buscas pelo último integrante do grupo criminoso prosseguem.

Confira o relato do delegado Anselmo Cruz sobre a ação policial na área rural de Cocal do Sul:

  1. WhatsApp_Video_2023-01-27_at_20_29_24__2__AdobeExpress (1)


 

 

Notícias Relacionadas

Segurança pública é tema de reunião da diretoria da Acic em Criciúma

Ação conjunta de fiscalização interdita uma casa noturna e encerra baile em outra em Criciúma

Ação policial recupera objetos e busca suspeito por roubar casal em Jaguaruna

Preso em Portugal o segundo suspeito por homicídio ocorrido em Treze de Maio