Reflexão

Vigário paroquial de Capivari de Baixo, padre Hilário Puziski, morre aos 79 anos

Vigário paroquial de Capivari de Baixo, padre Hilário Puziski, morre aos 79 anos

Foto: Divulgação

Morreu, nesse sábado (24), aos 79 anos, o vigário paroquial de Capivari de Baixo, padre Hilário Puziski. Ele sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) no mês passado em casa, em Capivari de Baixo, e foi encaminhado pelo Corpo de Bombeiros à unidade hospitalar de Tubarão. Padre Hilário atuava como vigário da Paróquia São João Batista, na Cidade Termelétrica. Por muitos anos, foi o único padre do município.

Ele completaria 50 anos de sacerdócio no próximo dia 21 e 80 anos de vida em novembro. O religioso estava há mais de um mês internado na Unidade de Terapia Intensiva – UTI, do Hospital Nossa Senhora da Conceição – HNSC, em Tubarão.

Nascido em Criciúma, no dia 13 de novembro de 1937, o padre Hilário foi por mais de 30 anos pároco de Capivari de Baixo. Ele se formou em teologia e foi ordenado padre em julho de 1967, em Paderborn, na Alemanha. Atualmente, o município alemão tem cerca de 145 mil habitantes e mais de 1,2 mil anos. Mais de 10% da população são estudantes, o que faz do lugar uma cidade universitária.

Em outubro de 1967, chegou à Cidade Termelétrica e, desde janeiro de 1968, esteve à frente da paróquia por pouco mais de três décadas. Ele sempre foi considerado um personagem icônico no município de aproximadamente 25 mil habitantes.

Seu corpo foi velado na Igreja Matriz São João Batista, em Capivari de Baixo. Nesse sábado, houve santas missas e também neste domingo, às 10 horas. A última Missa de Exéquias será as 15 horas. Após esta missa, padre Hilário será levado a Içara para a cremação do corpo no Crematório Millenium.

Colaboração: Comunicação Diocese de Tubarão

Notícias Relacionadas

Coronavírus em SC: Governador planeja retomada gradativa da atividade econômica e projeta 713 novos leitos de UTI

O objetivo é adequar as medidas de isolamento à necessidade dos catarinenses com segurança.

Colisão frontal termina em morte em Balneário Rincão

Município e HNSC celebram convênio de R$ 1,8 milhão para custeio de atendimentos na emergência

Os recursos serão destinados ao setor de emergência da instituição.

Após um mês na UTI enfrentando a Covid-19, paciente de Pescaria Brava recebe alta no HNSC, em Tubarão

A paciente deu entrada no Hospital no dia 21 de março, e no dia 27 foi transferida para a Unidade de Terapia Intensiva, onde precisou receber ventilação mecânica.