Geral

Volta às aulas em Siderópolis está definida para o dia 18 de fevereiro

Município ainda estuda se fará retorno híbrido ou se manterá modelo virtual para ensino fundamental e médio

Divulgação

Após diversas reuniões, a Secretaria de Educação de Siderópolis definiu que a volta às aulas no município deverá acompanhar a decisão da maioria das cidades da Amrec. Diante disso, o retorno deve ocorrer no dia 18 de fevereiro para o ensino infantil, fundamental e médio, e acontecerá de acordo com as regras estabelecidas pelo Plano de Contingência Estadual para Educação (Plancon).

O município ainda estuda se fará retorno híbrido ou se manterá o modelo virtual para ensino fundamental e médio. A presença do aluno na escola será consultada previamente aos pais ou responsáveis e deverá ser autorizada pelos mesmos, através de questionário que está sendo encaminhado a todos os responsáveis, pelos diretores de escola, e que deve ser respondido antes do regresso.

De acordo com a Secretaria de Educação, alguns pais ou responsáveis não estão sendo localizados nos números que forneceram às escolas; Diante disso a orientação para aqueles que ainda não receberam o questionário, é para que façam contato com a unidade de ensino e atualizem o cadastro, e assim terem acesso ao documento.

Além de exigir a autorização, a região irá trabalhar de acordo com o Mapa de Risco Covid-19, o que pode provocar mudanças a cada semana. Diante disso, quando a região estiver em laranja e azul, as aulas podem acontecer com até 100% da capacidade de lotação das salas; E quando estiver em vermelho as aulas presenciais podem ocorrer com até 50% da lotação.

A retomada das aulas na rede pública de ensino, nos municípios da Amrec, foi pauta da reunião do Colegiado da Educação e também da reunião de Prefeitos da região carbonífera, realizadas na semana passada, nos dias 20 e 21, respectivamente. Todo o processo de adequação para a volta às aulas será acompanhado e vistoriado pela Defesa Civil regional.

Notícias Relacionadas

Comitiva do Sul visita obras da Serra da Rocinha

A estimativa é de que sejam necessários R$ 41 milhões para a finalização, sendo que R$ 15 milhões devem ser assegurados pelo Ministério da Infraestrutura.

Presidente da ADEPOL-SC esclarece sobre movimento “Segurança em Alerta”

Movimento visa sensibilização do Executivo Estadual a respeito da reforma da previdência estadual e teve a adesão em toda SC.

Incêndio atinge indústria de alimentos em Içara

Ocorrência foi atendida pelo Corpo de Bombeiros na tarde desta quinta-feira, dia 24, no bairro São José.

Colégio Satc conquista 1º, 2º e 3º lugares no Desafio Nacional Acadêmico

Escola é a primeira do Sul a conquistar a primeira colocação nacional