Esporte

Atlético Tubarão e Hercílio Luz estreiam na Série D do Brasileiro

Ambas as equipes entram em campo neste domingo (5), às 16h.

Divulgação/Clube Atlético Tubarão

Começa neste fim de semana para Tubarão e Hercílio Luz a busca por uma vaga na terceira divisão nacional. Ambas as equipes entram em campo no domingo, às 16h. O Leão do Sul jogará em casa, contra o Tupi, de Minas Gerais, enquanto o Peixe visita o Cianorte, no Paraná.

Para o Hercílio, a competição é uma oportunidade para retomar o ânimo após o rebaixamento no Catarinense. Comandado por Júlio César Nunes, um técnico jovem que promete impor um novo modelo de jogo, o clube centenário volta a disputar uma competição nacional após 60 anos.

Coincidentemente, o Tupi, adversário da estreia, também chega à competição tentando se recuperar depois de ser rebaixado no Campeonato Mineiro. Leão e Tupi estão no Grupo A14. A chave ainda conta com Itaboraí (RJ) e Novorizontino (SP).

Na sexta-feira, às vésperas da estreia, o Hercílio anunciou o reforço do atacante Léo Bahia, vindo do Pelotas. O jogador, de 27 anos, também já atuou pelo Bangu (RJ) e pelo uruguaio Rambla Juniors.

Divulgação/Hercílio Luz

Já o Peixe fará a primeira partida da Série D contra o mesmo adversário da edição passada do campeonato. Porém, desta vez o desafio será fora de casa, no Estádio Albino Turbay, no Norte paranaense. Para o confronto deste domingo, marcado para as 16h, o técnico Luizinho Vieira acredita que o elenco está preparado e motivado.

“O grupo cresceu muito durante essas três semanas de preparação, e tivemos uma produção muito boa em relação aos trabalhos. Todos entenderam o que foi programado”, destacou o técnico.

O Tubarão está no Grupo A16 e, além do Cianorte, irá enfrentar também Caxias (RS) e São Caetano (SP).

Regulamento da Competição

A Série D 2019 contará com 68 clubes, distribuídos em 17 grupos, com quatro times cada. Os clubes se enfrentarão em jogos de ida e volta dentro dos próprios grupos. Os líderes dos grupos, além dos 15 melhores segundos colocados, avançarão de fase.

Os confrontos da segunda fase terão os 32 clubes classificados separados em dois blocos. O melhor colocado do Bloco 1 pegará o pior colocado do Bloco 2, e assim sucessivamente, em jogos de ida e volta.

Nas fases seguintes, sempre com mata-mata, em jogos de ida e volta, o clube com melhor campanha na somatória das fases anteriores terá vantagem de decidir em casa. Os quatro melhores colocados conquistarão o acesso à Série C.

Com informações do Jornal Diário do Sul

Notícias Relacionadas

Câmara de Vereadores de Orleans homenageia mulher mais idosa e vice-campeão brasileiro de xadrez

Com 106 anos a senhora Nilza Machado Agostinho e o atleta Gustavo Laurentino Galvani receberam o reconhecimento do Legislativo orleanense.

Brasileiro descobre estrela que gira a 5 milhões de km/h

Estrela anã branca leva 29,6 segundos para dar volta ao redor de si

Criciúma vence o Hercílio Luz de virada

Os gols da vitória carvoeira foram marcados por Reis e Daniel Costa, em dois pênaltis.

Estudante do Centro Educacional Meta é vice-campeão Brasileiro de Xadrez

Gustavo Laurentino Galvani, de 12 anos, levou a prata em Concórdia no último fim de semana