Geral

Bombeiros militares da região realizam treinamento de busca e resgate em Pedras Grandes

A operação reuniu integrantes de Laguna, Capivari de Baixo, Tubarão, Braço do Norte e Orleans

Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros de Tubarão

A Força-Tarefa do 8º Batalhão de Bombeiros Militar, com sede em Tubarão, realizou nessa sexta-feira (03), seu primeiro treinamento do ano de 2017 sobre Busca e Resgate em Inundações e Enxurradas, em Pedras Grandes. As atividades se concentraram no Rio Tubarão.

Conforme o 2º Tenente Henrique José Schuelter Nunes, comandante do Pelotão de Orleans e também da Força Tarefa, o objetivo do treinamento foi promover a habilidade técnica e entrosar os integrantes da Força Tarefa. “Apesar do risco presente de sinistros envolvendo inundações e enxurradas, esta não é uma ocorrência enfrentada com frequência pelas equipes de resposta. Portanto, o treinamento é fundamental para que técnicas sejam revistas e um planejamento prévio seja realizado para eventos dessa natureza, o que mantém a Força-Tarefa preparada para ser acionada a qualquer momento”, relata o

Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros de Tubarão

Treinamento

Durante a manhã, foram revistas as técnicas de deslocamento em corredeiras de forma defensiva e ofensiva, resgate de vítimas utilizando sacos de arremesso e através de isca-viva. Já a tarde, o foco foi o trabalho de resgate com botes infláveis, sendo repassadas as formas de condução em corredeiras e a abordagem no resgate de vítimas.

Sobre a Força Tarefa

Cada um dos 14 Batalhões de Bombeiros Militar do estado de Santa Catarina possui a sua Força-Tarefa. Esta tem uma estrutura autossuficiente e independente a do trem de socorro diário, com viaturas 4×4, embarcações e kits específicos para cada tipo de salvamento em que atuarão (deslizamentos, estruturas colapsadas, enchentes e inundações, incêndios florestais e outros desastres). Sempre que a emergência ultrapassa a capacidade de resposta local, a Força-Tarefa é acionada.

Ela é composta por 12 bombeiros militares com maior capacidade técnica na área do Batalhão. A ideia principal da Força-Tarefa é a autossuficiência – caso acionada, ela deve ter condições de, por si só, permanecer no local do desastre por um prazo mínimo de 10 dias sem a necessidade de recursos adicionais quaisquer, até o cumprimento da missão institucional.

A Força-Tarefa do 8º Batalhão de Bombeiros Militar possui integrantes de Laguna, Capivari de Baixo, Tubarão, Braço do Norte e Orleans.

  • f122ac9b-d4ce-4c91-a055-cca208402b60
  • 74a940de-199b-4104-9e20-4b24c96700b3
  • 0ac813e7-9fc7-48ce-ba73-9053bef63205
  • 61c4d744-ac0e-4485-89f8-ed7ebb0c48ab
  • ba9ede2a-3054-4b2f-9cdc-9fe34cc9e300
  • 5f8ab531-7edb-442e-b618-37a523c43689

Notícias Relacionadas

Idoso capota carro sobre a Ponte Anita Garibaldi, em Laguna

Motorista de aproximadamente 80 anos estava sozinho quando perdeu o controle do veículo com placas de Braço do Norte.

Morador é executado com cinco tiros em Criciúma

Segundo informações, a vítima saiu recentemente do presídio e possui passagens por pedofilia e estupro de vulnerável.

Câmera registra momento em que jovem colide moto contra árvore em Orleans; VEJA VÍDEO

Adolescente de 17 anos continua internado em estado grave.

Homem mata esposa e depois se suicida em Braço do Norte

No quarto do casal, local onde ocorreu o crime, foi encontrada uma faca de serra branca e um facão. O homem morreu no hospital.