Geral

“Cerâmica além da visão” traz lazer e terapia a deficientes visuais

Professor ensina e auxilia os alunos na realização de artesanatos

Divulgação/Decom

Laércio Costa espera ansioso a chegada das quartas-feiras para reencontrar os colegas e trabalhar na arte em cerâmica. Com a perda da visão em um acidente, ele começou a participar, em 2018, do projeto “Cerâmica além da visão”, oferecido pela Satc. “Nós cegos não temos muitas atividades para participar e aqui eu adoro vir, pois é um dia de terapia e interação com os colegas”, destacou

O projeto iniciou em 2008 com objetivo de dar opção de atividade, terapia, lazer e relaxamento aos deficientes visuais. As aulas acontecem das 13h10min às 16h, com intervalo para o lanche ofertado pela Satc. Neste ano, o professor de cerâmica artística Josimar da Cruz está auxiliando cinco alunos.

Divulgação/Decom

“Toda aula é apresentada uma proposta diferente de trabalho. Tem dia que eles fazem objetos utilitários, como tigelas e travessas, há também aulas com instruções de objetos geométricos. O objetivo é sempre fazer a peça e dar utilidade a ela, como no dia em que eles produziram um mini vaso e plantaram uma muda de hortelã dentro”, disse o professor.

A locomoção de objetos dentro da sala de aula é geralmente feita pelo professor que ensina e dá assistência necessária. “Os objetos produzidos são vendidos em um bazar, realizado uma vez ao ano, na sala dos professores da Satc, e muitas vezes, os alunos presenteiam alguém”, concluiu Costa.

Divulgação/Decom

Notícias Relacionadas

Ricardo Guidi destina cerca de R$2,2 milhões para construção de um novo espaço de lazer no Balneário Rincão

O contrato foi oficializado nesta segunda-feira, 22, na Caixa Econômica Federal, junto com o prefeito Jairo e o vice Luizinho.

Uma luta para não perder a visão

Grupo de tabagismo: terapia ajuda fumantes a deixar o vício, em Balneário Rincão

Lazer, hotéis e escritórios são os setores mais afetados por pandemia

Distância percorrida por veículos teve queda de 25%, revela pesquisa