Geral

Continua impasse sobre cobranca de taxas no Cemitério Municipal de Orleans

Antigo debate virou tema de reunião entre administradores, associação e Governo Municipal nesta segunda-feira (20).

Foto: Edvaldo Lubavem – Assessoria de Comunicação Prefeitura de Orleans

A discussão sobre a cobrança de taxas pela atual empresa administradora do Cemitério Municipal de Orleans motivou a realização de uma reunião nesta segunda-feira (20), entre representantes da Associação Comunitária São José, a Cesconetto Serviços e o Governo Municipal de Orleans. O encontro aconteceu no gabinete do prefeito Jorge Koch.

Os integrantes da Associação São José alegam que as taxas cobradas pelos serviços realizados pela atual administradora do cemitério são abusivas. Em contrapartida, a empresa administradora defende que seguem as normas do contrato vigente, pactuado em administrações municipais anteriores. Atualmente a Cesconetto Serviços é responsável  pelo velório, sepultamento e manutenção do cemitério.

Foto: Edvaldo Lubavem – Assessoria de Comunicação Prefeitura de Orleans

Durante a reunião, o Padre Valmor Della Giustina, propôs a formação de um conselho para tratar do assunto junto à população.

Uma nova reunião ficou agendada para o dia 29 de março. A intenção da Administração Municipal é tentar encontrar uma solução definitiva para a situação. A expectativa é que estejam presentes o atual administrador e o representante da Associação São José, juntamente com os seus advogados.

Colaboração: Edvaldo Lubaven/ Texto: Sul In Foco

Notícias Relacionadas

Apoio ao candidato Vitorassi para eleição da Coorsel se intensifica durante reuniões com associados

Na noite de hoje (16), às 19h30min, os associados da comunidade de São Gabriel são convidados a participarem do encontro com os candidatos, em Treze de Maio.

Ex-secretário de Administração de Orleans e empresa tem bens bloqueados

Segundo o Ministério Público, Eduardo Bertoncini era responsável pela pasta na gestão do ex-prefeito Marco Antônio Bertoncini Cascaes

Sentença de pronúncia levará para júri casal acusado por homicídio cometido com espada em Orleans

Segundo os autos, os crimes aconteceram em março deste ano, no bairro Rio das Furnas

Valmir Jose Bratti, de 68 anos, de Orleans, recebe alta da UTI após 30 dias internado; VEJA VÍDEO

O reencontro com sua filha Natalia foi emocionante. Em meio a lágrimas de felicidade, ele foi recebido pela equipe médica com aplausos calorosos