Geral

Dia D de vacinação contra Febre Amarela movimenta unidades de saúde em Lauro Müller

As unidades do Centro, Distrito do Guatá e Bairro Arizona, participam desta força-tarefa que visa imunizar pessoas na faixa etária entre nove meses e 59 anos de idade.

Foto: Divulgação / Prefeitura de Lauro Müller

A movimentação foi intensa neste sábado (9) nas três unidades de Estratégia e Saúde da Família – ESFs de Lauro Müller que abriram suas portas para o dia “D” de vacinação contra a Febre Amarela. As unidades do Centro, Distrito do Guatá e Bairro Arizona, participam desta força-tarefa que visa imunizar pessoas na faixa etária entre nove meses e 59 anos de idade.

No total, foram aplicadas cerca de quatro mil doses desde o início da campanha, no mês de fevereiro. Para incentivar a adesão à campanha, a Secretaria Municipal de Saúde já realizou duas vezes nessas últimas semanas o atendimento com horário estendido, beneficiando especialmente as pessoas que trabalham em horário comercial.

O prefeito em exercício, Pedro Barp Rodrigues, acompanhado pela secretária Carla Zabotti Dias, visitou a unidade central do município, onde dezenas de pessoas compareceram para serem vacinados nessa sábado. Um encontro com o gerente regional de Saúde, Fernando de Faveri, também aconteceu na unidade central.

A vacinação contra a Febre Amarela continuará sendo realizada nessas três unidades do município. Trata-se de uma medida preventiva e foi recomendada pelo Ministério da Saúde com o objetivo de antecipar a proteção contra a doença para toda a população. A meta é para que mais de 11 mil pessoas sejam vacinadas no município.

A única forma de evitar a febre amarela é através da vacinação. Quem já tomou uma dose da vacina não precisa tomar uma nova.

  • _MG_7824
  • _MG_7782
  • _MG_7771
  • _MG_7822
  • _MG_7817
  • _MG_7763
  • _MG_7760
  • _MG_7811
  • _MG_7807
  • _MG_7755
  • _MG_7797
  • _MG_7793
  • _MG_7790
  • _MG_7787
  • _MG_7751

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Lauro Müller

Notícias Relacionadas

Secretaria de Saúde de Criciúma reforça chamado de gestantes, puérperas e crianças para vacinação contra influenza

Agentes Comunitários de Saúde visitarão as residências para monitoramento e intensificação de informações por causa da baixa adesão à campanha nacional

OMS não espera vacinação ampla contra covid-19 antes de meados de 2021

É importante checagem rigorosa sobre eficácia da vacina, diz porta-voz

Terceira fase da campanha de vacinação contra influenza inicia nesta segunda-feira

Criciúma terá ponto estratégico para moradores da região central no início da nova fase

Mais de mil e quinhentas pessoas foram imunizadas contra o sarampo no Dia ‘D’ em Criciúma

Objetivo da campanha é que pessoas com idade entre seis meses e 49 anos recebam a vacina tríplice viral que previne contra o sarampo, caxumba e rubéola