Geral

Estado já disparou cerca de 800 mil mensagens alertando sobre casos positivos de Covid-19

O serviço é feito em parceria com a Associação Catarinense de Medicina, responsável pelo cruzamento dos dados e envio dos SMS.

Divulgação/Secom

Com o aumento no número de casos positivados de Covid-19 em Santa Catarina, o número de mensagens via SMS para telefones celulares alertando moradores para casos próximos da doença, atingiu 800 mil envios. O serviço é feito em parceria com a Associação Catarinense de Medicina, responsável pelo cruzamento dos dados e envio dos SMS.

Sempre que um teste acusa positivo para Covid-19, as informações da pessoa ficam anônimas. A partir daí, é estabelecido um parâmetro territorial de 200 metros com a identificação de aparelhos celulares próximos para que as mensagens possam ser enviadas.

“A mensagem é uma forma de fazer com que as pessoas aumentem a auto vigilância sobre os cuidados a serem adotados para evitarem a contaminação da doença, protegendo a si mesmas e a seus familiares”, comenta o secretário de Estado da Administração, Jorge Eduardo Tasca.

Para receber a mensagem não é necessário fazer nenhum cadastro prévio. “Também não é preciso fazer atualização de endereço para receber as mensagens. No momento do recebimento do alerta as pessoas devem observar o CEP informado corresponde ao seu atual endereço. Caso a pessoa tenha se mudado recentemente para um outro CEP deve desconsiderar o alerta, mas permanecer com as medidas sugeridas de isolamento social”, explica o diretor de Tecnologia e Inovação da Secretaria de Estado da Administração, Felix Fernando da Silva.

O serviço abrange todos os municípios catarinenses. Em Florianópolis é prestado pela Prefeitura Municipal.

As mensagens enviadas pelo governo catarinense têm o seguinte teor: O Governo de SC informa caso confirmado de Covid-19 perto de sua residência CEP 00000-000. Se puder fique em casa. Se sair use máscara: www.coronavírus.sc.gov.br.

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

Cidasc emite comunicado sobre proibição de fabricação, comércio, prescrição e uso do herbicida Paraquat no Brasil

A reavaliação toxicológica do paraquat foi determinada em 2008 pela Anvisa e finalizada em 2017

Estado garantirá tratamento anual de R$ 2,7 milhões a criança de Laguna com AME, decide TJ

De acordo com os autos, a perícia médica comprovou que a criança, natural de Laguna, precisa do remédio e que inexiste, na rede pública de saúde, tratamento para a doença.

Coronavírus em SC: Governo do Estado estabelece novas medidas para o transporte aquaviário e comércio de refeições nas rodovias

A comercialização de refeições pode ser feita por restaurantes localizados às margens das estradas e oferecida exclusivamente para profissionais de serviços considerados essenciais pelo Governo do Estado, incluindo nesta categoria os transportadores de carga responsáveis pelo abastecimento e transbordo de insumos da saúde.