Geral

Justiça Federal apresenta demonstrativo de áreas em recuperação

Evento ocorre dia 27 de novembro, no auditório 1 da Satc e é aberto à comunidade

Divulgação/Satc

Os dados sobre as áreas em recuperação na região Sul de Santa Catarina serão apresentados em audiência pública convocada pela 4ª Vara da Justiça Federal em Criciúma. O evento, que marca a apresentação do 12º Relatório dos Indicadores Ambientais, ocorre dia 27 de novembro, às 17h, no auditório 1 da Satc.

A convocação partiu da juíza Louise Freiberger Bassan Hartmann e envolve empresas e pessoas citadas na sentença judicial que determina a recuperação de áreas degradadas pela mineração do carvão. A audiência é aberta à comunidade que deseja participar.

O trabalho de recuperação das áreas foi determinado pela Ação Civil Pública (ACP), proposta pelo Ministério Público Federal (MPF) e acompanhada pela Justiça Federal. O Grupo Técnico de Assessoramento (GTA) foi criado em 2007 para acompanhar os trabalhos de recuperação. É formado por representantes técnicos das empresas, poder público, sociedade e Judiciário.

Divulgação/Satc

Notícias Relacionadas

Polícia Civil apresenta dados positivos na repressão de roubos em Criciúma com prisões realizadas e criminosos identificados

Comparado com 2018, os dados indicam redução de roubos com uso de arma de fogo, roubos em residência e roubos com mais de três autores, com estabilização da quantidade de roubos gerais.

Estado anuncia R$ 8 milhões para recuperação de ruas de Criciúma que passam por obras da Casan

Em Criciúma o sistema de saneamento básico está sendo ampliado no Bairro São Luiz.

Polícia Civil apresenta resultados com redução dos roubos gerais, de veículos e com uso de armas em Criciúma

Foram apresentados dados comparativos das ocorrências de roubos em Criciúma no primeiro quadrimestre de 2018 e 2019

Iniciam trabalhos de recuperação da rua que dá acesso a Pindotiba, em Orleans