Geral

Número de internados com Covid-19 dispara em Criciúma

Na última semana, foram 16 óbitos na cidade, que já totaliza 301 vítimas.

Divulgação

O número de mortes em decorrência da Covid-19 ultrapassou uma triste marca em Criciúma. É que ontem, a Vigilância Epidemiológica informou que o município já contabilizava 301 óbitos por coronavírus. Além disso, o número de internações disparou. Atualmente são 246 pessoas em leitos de hospital, entre suspeitos e casos confirmados. Dentre elas, 57 estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Destes, 20 são residentes em Criciúma e 37 de outros municípios.

Dos pacientes internados com suspeita ou confirmação do coronavírus, 45,3% são do sexo masculino e 54,7% feminino. Desde o início da pandemia, já foram contabilizados 24,3 mil casos confirmados. Atualmente existem 1.387 casos ativos e 232 casos suspeitos no município criciumense. Já estão recuperados 22,6 mil pessoas. Foram realizadas 80,9 mil coletas (testes) desde o início do ano passado.

Duas pessoas morreram em Criciúma ontem, por causa do coronavírus. No fim da manhã, a morte de uma mulher de 70 anos atingiu a marca de 300 óbitos no município. Já durante a tarde, a Vigilância Epidemiológica informou a morte de um homem de 69 anos, chegando a 301 óbitos.

Em Orleans, a Secretaria da Saúde comunicou ontem o 38º óbito em decorrência do coronavírus no município. A vítima é uma mulher de 82 anos. Ela estava internada na Fundação Hospitalar Santa Otília, em Orleans, e tinha comorbidades. No sábado, outra mulher, de 90 anos, também moradora do município, morreu de Covid. A Administração Municipal prestou solidariedade e manifestou condolências aos familiares e amigos.

Em Siderópolis, uma morte foi registrada. A Prefeitura informou o óbito de uma moradora de 81 anos, com comorbidades. A morte foi notificada no sábado, dia 13. O Governo Municipal manifestou as condolências aos familiares e amigos.

Ocupação total na UTI do Hospital São Donato

O segundo maior município da Região Carbonífera (Amrec), Içara registra 52 mortes e oito pacientes em UTI, além de oito em enfermaria. Ao todo são 249 pessoas em tratamento, sendo 233 delas em tratamento domiciliar. O município içarense já está com 3.847 casos confirmados e 582 suspeitos.

Os leitos de UTI do Hospital São Donato, em Içara, estão com 100% de lotação, enquanto a enfermaria está em 42%. Desde o início da pandemia, 3.546 pessoas já se recuperaram dessa doença no município içarense.

Já no maior município do Extremo Sul (Amesc), Araranguá registra 112 óbitos por Covid-19. Já são 6.909 mil casos confirmados e 6.640 mil recuperados. Além disso, existem 157 pessoas sendo monitoradas com suspeita de terem contraído o vírus.

No Estado

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou os dados da Matriz de Risco Potencial em relação ao novo coronavírus nesse fim de semana. O mapa aponta que todas as regiões catarinenses se encontram em nível gravíssimo (cor vermelha) pela terceira semana seguida.

Divulgação

Das 16 regiões, cinco receberam nota máxima em todos os quesitos analisados, o que, ainda que seja alto, apresentou uma melhora em comparação à semana passada. A região Oeste, que havia obtido a classificação mais elevada em todos os índices por duas semanas seguidas, desta vez conseguiu manter a tendência de redução de índices de transmissibilidade – semana passada, o índice era de 3,0, enquanto nesta está em 2,5.

“Essa melhora em regiões como o Oeste mostra que as ações que o Estado e a Secretaria têm tomado nas últimas semanas estão começando a surtir o efeito necessário”, destaca a cientista de dados Bianca Vieira. Ela acrescenta, no entanto, que ainda é fundamental ter atenção e seguir com os cuidados, porque “o sistema de saúde ainda não consegue absorver toda a demanda gerada”.

Desde o início da gestão da pandemia, Santa Catarina ampliou de 546 para mais de 1,5 mil leitos de UTI ativos no Estado. Só neste ano, foram ativados 161 novos leitos de UTI em diversas regiões catarinenses.

Com informações do site TNSul

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

Clínicas e laboratórios particulares de Braço do Norte terão que informar a Prefeitura sobre exames para Covid-19 realizados

O Decreto 026/2020, assinado pelo prefeito, Beto Kuerten Marcelino, na noite deste domingo (12), visa garantir a transparência sobre os dados da doença no Município.

Coronavírus em SC: Fapesc aprova cinco projetos de pesquisa e destina R$ 500 mil a estudos sobre Covid-19 no estado

O edital buscava estudos que apontassem soluções para o combate à epidemia e seus efeitos na sociedade e na economia.

STF autoriza SC a utilizar recursos do pagamento da dívida com a União no enfrentamento da Covid-19

O pedido foi protocolado pela Procuradoria-Geral do Estado de Santa Catarina (PGE) para garantir que a União deixe de aplicar qualquer tipo de penalidade ao estado em razão da suspensão dos pagamentos.