Segurança

Polícia Civil prende homem que estuprou enteada durante dois anos em Orleans

Crimes ocorreram no distrito de Pindotiba, na casa da família, entre 2013 e 2015, quando a vítima tinha as idades de 6 a 8 anos.

polícia civil delegacia orleans

Homem foi condenado pela Justiça após investigação da Polícia Civil de Orleans – Foto: Ketully Beltrame

Policiais da Delegacia de Orleans e da 2ª Delegacia de Criciúma, em operação conjunta, cumpriram, na tarde de quarta-feira, dia 8, mandado de prisão de um homem, de 34 anos, no bairro Argentina, em Criciúma.

Entre os anos de 2013 e 2015, o preso praticou atos libidinosos contra a enteada, dos 6 aos 8 anos de idade da criança. Os fatos ocorreram no distrito de Pindotiba, em Orleans, na casa da família.

Após investigação da Polícia Civil de Orleans, o homem foi condenado pela Justiça a 15 anos, 6 meses e 20 dias de reclusão em regime fechado. A sentença transitou em julgado no mês de agosto e, desde então, os policiais civis investigavam seu paradeiro. Após as formalidades legais, o preso foi entregue no Presídio Santa Augusta.

Notícias Relacionadas

Morador é executado com cinco tiros em Criciúma

Segundo informações, a vítima saiu recentemente do presídio e possui passagens por pedofilia e estupro de vulnerável.

Polícia Civil apresenta dados positivos na repressão de roubos em Criciúma com prisões realizadas e criminosos identificados

Comparado com 2018, os dados indicam redução de roubos com uso de arma de fogo, roubos em residência e roubos com mais de três autores, com estabilização da quantidade de roubos gerais.

Polícia Civil indicia e prende homem suspeito de realizar dois roubos armados em Criciúma

Os crimes investigados ocorreram no fim de janeiro deste ano, ambos no bairro Jardim Maristela

Índices de crimes caem bruscamente em Orleans

Segundo dados divulgados pela Polícia Civil, houve redução de 300% dos crimes de roubo e quase 30% do número de furtos.