Cultura

Restauração de Estação Ferroviária resgata história do município de Lauro Müller

Solenidade de inauguração acontece nesta sexta-feira (1) com apresentações culturais

Nos últimos dias os trabalhos para conclusão da restauração da antiga Estação Ferroviária de Lauro Müller foram intensificados. Pessoas que passam pelo local, em especial os que tiveram oportunidade de ver o espaço em pleno funcionamento, começam a relembrar os tempos vividos.

O apito forte, anunciando a chegada ou partida do trem, dificilmente será ouvido novamente na cidade de Lauro Müller. Mas o local, marcado por muitas chegadas e partidas, recebe os últimos retoques do trabalho de restauração. Inclusive, defronte ao prédio, foi construída uma réplica da estrada de ferro existente na época, exatamente no mesmo local.

Com 86 anos, o senhor Manoel Martinho Fortunato, ainda conta histórias da época em que trabalhava no local, como agente de estação. Após décadas de atuação, ele recebeu o apelido que o indentifica até os dias de hoje, o “Maneca da Estação”,  “Trabalhei na ferrovia por mais de 35 anos. Somente na Estação Minas foram 13 anos. Eu era o responsável pela venda de passagens, manobra de trens, e pelo despacho e recebimento de mercadorias, já que na época não tinha Correio”, relata.

O senhor Maneca da Estação será homenageado na solenidade de inauguração e emprestará seu nome ao local. “Fico emocionado e ao mesmo tempo muito feliz de reviver as lembranças daquela época, inclusive poder caminhar sobre os trilhos do trem. É um local especial que guarda recordações de grandes momentos”, conta Fortunato.

O local foi inaugurado pela Estrada de Ferro Dona Teresa Cristina em setembro de 1884, quando Lauro Müller ainda era denominado de Estação de Minas, pertencente ao território do município de Orleans. O objetivo era fazer a ligação entre o Porto de Imbituba e as minas de carvão de Lauro Muller.

A construção da estrada de ferro e a exploração da mina do Quilômetro Um, motivou a vinda de muitas famílias para a região. Assim, surgiram os primeiros mineiros e a mina do Quilômetro Um foi a primeira mina de carvão mineral do Brasil, o que dá a cidade de Lauro Müller o título de berço histórico do carvão nacional.

A Estação Ferroviária de Lauro Muller após operar por quase 100 anos foi desativada oficialmente no dia 2 de dezembro de 1981, mas os trens de passageiros já haviam sido eliminados ainda na primeira metade dos anos 1970. E a enchente de 1974 levou praticamente o ramal inteiro, restando apenas o antigo prédio, que foi tomado pelas águas do Rio Tubarão.

Depois de a Estação ter sido desativada, o prédio foi utilizado por muitos anos como Terminal Rodoviário. Após a construção do Terminal Rodoviário Rolando Périco, o local passou a ser utilizado apenas como um pequeno bar, onde os turistas passavam despercebidos pela frente daquela histórica Estação.

Com o compromisso de incentivar o desenvolvimento do setor do turismo no município e ao mesmo tempo preservar a história dos lauromüllenses, o Governo do Município realizou a restauração completa do local, que será oficialmente inaugurada nesta sexta-feira (1). A obra orgulha o prefeito Fabrício Kusmin Alves, que deixa seu nome na história do município pelo resgate histórico-cultural, que foi preparado especialmente para ser a “porta de entrada” para os turistas que passarem por Lauro Müller.

“Temos orgulho de ser lauromüllense e da bela história que foi escrita ao longo das décadas. Uma história marcada por muitas lutas, sacrifícios e acima de tudo, muitas conquistas. E é por isso que realizamos esta obra, considerada um dos maiores investimentos na área do turismo do município. Por muitos anos o prédio esteve ali, praticamente abandonado, em um local privilegiado da nossa cidade e a partir de sexta estará de portas abertas novamente”, destacou o prefeito.

No local funcionará o Centro de Informações Turísticas e a sede do Eco Museu Serra do Rio do Rastro.  Além disso, outros espaços foram projetados, como hall central de informações, secretaria e recepção, sala de reuniões e administrativa, loja do produtor, e uma área museológica, onde serão expostos artefatos históricos do município. Uma lanchonete banheiros e estacionamento para veículos também fazem parte do local.

A construção fica localizada na região central do município, às margens da Rodovia SC-390.

A obra foi executada com recursos do Ministério do Turismo, através de emenda parlamentar do deputado federal Marco Tebaldi, com contrapartida do município de Lauro Müller.

  • 3304f4a198ace6fdc3f48aec472f25a2
  • ed64a17e75c561303e9b13a959f449e6
  • 12de028712c384802fbf8164b9dd0937