Clima

Sensação de -17°C ‘congela’ turistas à espera da neve na Serra de SC

Em Urupema, turistas lotaram ponto mais alto da cidade para esperar a neve, que ainda pode cair nesta quarta-feira (18), segundo especialistas

Divulgação

O frio intenso e a queda nas temperaturas fizeram com que a Serra catarinense registrasse sensações térmicas congelantes na manhã desta quarta-feira (18). Em Urupema, por exemplo, ela ficou em -17°C, segundo dados da Epagri/Ciram.

A sensação térmica leva em conta a temperatura, umidade e a velocidade dos ventos. Por volta das 7h, no Morro das Antenas — um dos pontos mais altos do Estado — os termômetros marcavam 2°C, enquanto os ventos atingiam uma velocidade de 98 km/h.

Mas nem mesmo o vento forte espantou os turistas que esperavam pela neve na região serrana. Entre eles estavam três amigos de Palhoça, na Grande Florianópolis. O grupo veio ainda de madrugada para a Serra catarinense, a fim de conferir o fenômeno.

Encasacados, foi difícil sair do carro e encarar as rajadas que “queimavam” no rosto.

Quem também chegou na região nesta quarta-feira, foi o casal Marcos Ávila e Karine Russi. Eles saíram de Tijucas, também na Grande Florianópolis, junto com os filhos, na expectativa de encontrar neve pela primeira vez.

— Não conhecemos [a neve]. Chegamos às cinco horas da manhã, mas nada ainda. Não pegamos nem na estrada. Mas vamos ficar até o final da tarde para ver se conseguimos presenciar — conta o motorista de aplicativo.

Karine, inclusive, é natural da Bahia e pela primeira vez está encarando o frio na Serra catarinense.

— Eu morava lá, é quente, mas eu adoro o frio. Em Jacovina, que é onde eu nasci, à noite é bem fresquinho. Nós viemos atrás, na expectativa [de neve], mas vamos ver — diz a turista, que mora em Santa Catarina há três meses.

Neve ainda pode atingir a região nesta quarta

De acordo com a Epagri/Ciram, há chances de neve ainda nesta quarta-feira na Serra catarinense. O motivo é uma nebulosidade, vinda do Rio Grande do Sul, que se aproxima da região.

— A nebulosidade ela vai aumentar e ficar mais intensa, o que pode causar a chuva. Só que a temperatura subiu para 2°C. Mas tem condição sim para nevar — pontua o meteorlogista da Epagri, Marcelo Martins.

SC tem segundo dia de neve

A neve caiu em algumas cidades de Santa Catarina durante a madrugada. Em Urupema, por exemplo, o fenômeno foi observado por volta das 2h, no Morro das Antenas, um dos pontos mais altos do município.

Morador de Bom Retiro, Daniel dos Santos Rosa foi um dos turistas que registrou o momento. Ele, que já esteve na Serra em outras três oportunidades, estava acampado com a mãe em uma van que, durante a noite, serviu de “restaurante” para quem também esteve no local.

— Nós colocamos aqui um quentão, um pinhão, e oferecemos para o pessoal que estava aqui — explica.

Também houve registro de neve em Urubici, cidade vizinha à Urupema. Imagens, divulgadas pela prefeitura mostram casas e gramados cobertos pelos flocos brancos.

Este é o segundo dia em que o Estado registra o fenômeno. Nesta terça-feira (17), a neve foi vista nas cidades de Bom Jardim da Serra, São Joaquim, Urupema, Rio Rufino e Lages.

Além disso, é a primeira vez que neva nessa época do ano em 15 anos. Isto porque, em maio, quando o Estado ainda vive sob influência do outono, é esperado o veranico – quando as temperaturas sobem um pouco.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Empresário é morto por diversos disparos de tiros em Forquilhinha

A vítima foi atingida nas Pernas, costas e no pescoço

Cidades de SC entram em situação de emergência por conta de desastres naturais; saiba quais

A Defesa Civil Nacional reconheceu a situação de emergência de mias 12 municípios, em outros Estados do Brasil

Polícia Civil com apoio da Polícia Militar recapturam foragido

O capturado é suspeito de um furto em uma farmácia na cidade de Morro da Fumaça

Presidente da Coorsel Ivanir Vitorassi é homenageado na Assembleia Legislativa de Santa Catarina

A liderança cooperativista, que também é conselheiro do Sescoop/SC, teve sua atuação em prol do setor reconhecida junto a outras 23 personalidades do estado.