Segurança

Suspeito de envolvimento no homicídio do taxista de Urussanga é preso

O homem foi conduzido ao Presídio Santa Augusta.

Divulgação

O caso do taxista João Beluco (57 anos), encontrado morto em janeiro deste ano, em Urussanga, pode estar próximo do desfecho. Isso porque um suspeito (G.P.J, de 24 anos) por envolvimento no assassinato da vítima foi preso pela PM de Morro da Fumaça, ontem, no bairro Ibirapuera. O homem foi conduzido ao Presídio Santa Augusta.

De acordo com o delegado José Antônio Amabile, responsável pelas investigações da Polícia Civil no caso, afirma que os trabalhos tiveram avanço. “Estamos bem próximos da elucidação”, conta. João foi encontrado amarrado em um matagal, em Urussanga o seu veículo foi incendiado. Dois suspeitos já haviam sido presos preventivamente por 30 dias, podendo ser estendido por mais 30 dias.

Com informações do site TNSul

Notícias Relacionadas

Polícia Civil cumpre mandados contra suspeitos de latrocínio em Sombrio

Comarca de Criciúma, em seu 1º júri do ano, analisa homicídio ocorrido em bar

Segundo a denúncia, o crime ocorreu em março de 2016, próximo a um bar na cidade de Nova Veneza.

Suspeito de incendiar casa e matar mulher e criança é preso em Tubarão

O crime ocorreu no dia 31 de dezembro de 2019 e foi solucionado pela Polícia Civil.

Corpo é encontrado carbonizado dentro de carro em Criciúma