Trânsito

Acidente deixa trânsito lento e com filas na BR-101, entre Laguna e Pescaria Brava

Havia formação de filas de 3 km e os veículos transitavam em uma das faixas.

Fotos: Divulgação/PRF

Atualizada às 13h46min – Um acidente de trânsito registrado na manhã desta sexta-feira (15), deixou ao menos duas pessoas feridas. A colisão entre uma carreta e três carros aconteceu por volta das 7h40min, no km 316. O trânsito ficou lento no local.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Tubarão, a primeira colisão foi lateral e envolveu um Peugeot/408 de São Pedro de Aldeia (RJ) e uma carreta Ford Cargo de Blumenau (SC).  Com isso, o motorista da carreta perdeu o controle e colidiu contra a mureta central da rodovia. Ele sofreu lesões leves, foi socorrido e encaminhado ao Hospital São Camilo de Laguna.

Logo em seguida, no mesmo local, o motorista de um caminhão VW 17.180 de Tubarão reduziu a velocidade devido o acidente a frante e foi atingido na traseira por um VW Gol, também de Tubarão que capotou em seguida. O motorista do carro sofreu ferimentos leves e também foi encaminhado ao hospital de Laguna.

Houve formação de filas e o trânsito ficou lento no local.

 

Veja mais fotos

 

Notícias Relacionadas

Estado garantirá tratamento anual de R$ 2,7 milhões a criança de Laguna com AME, decide TJ

De acordo com os autos, a perícia médica comprovou que a criança, natural de Laguna, precisa do remédio e que inexiste, na rede pública de saúde, tratamento para a doença.

Em Laguna, governador autoriza emissário terrestre para a praia do Mar Grosso e libera recursos para hospital

A projeção da Casan é que o empreendimento fique pronto em janeiro de 2020. O emissário é uma rede de 2.718 metros de extensão e diâmetro de 315 milímetros, com tubos de polietileno.

Idoso capota carro sobre a Ponte Anita Garibaldi, em Laguna

Motorista de aproximadamente 80 anos estava sozinho quando perdeu o controle do veículo com placas de Braço do Norte.

Tribunal de Justiça confirma que município de Laguna deve fechar acessos de carros à Praia do Cardozo

Na sentença, foi determinado ainda que a prefeitura promova a instalação de placas de advertência no local e fiscalize a área, sob pena de multa diária no valor de R$ 500. A decisão busca preservar o meio ambiente e proteger os banhistas.