Geral

Campanha para destinar parte do Imposto de Renda para ajudar crianças e adolescentes termina no dia 30 de abril

Essa doação possibilita a qualificação da rede de atendimento, auxiliam no processo de inclusão de jovens cidadãos que vivem em vulnerabilidade social.

Foto: Divulgação

O Governo Municipal de Cocal do Sul por meio da secretaria e Assistência Social e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) alertam para a doação ao Fundo da Infância e Adolescência (FIA). O contribuinte que desejar destinar parte do seu Imposto de Renda para ajudar as crianças e adolescentes do município, tem até o dia 30 de abril, próxima terça-feira, para declarar.

Para participar desta ação, o contribuinte só precisa informar o seu desejo de doar ao FIA na hora de fazer a Declaração do Imposto de Renda. Deve declarar o Imposto de Renda quem teve, em 2018, rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559.

Saiba mais sobre o FIA e como doar

O FIA é onde são depositadas as contribuições das pessoas físicas e jurídicas, declarantes do imposto de renda que desejam investir nas ações em prol dos meninos e meninas do município. Essa iniciativa garante que o recurso fique no município, sendo destinado de forma série e segura para centenas de crianças e adolescentes. Essa doação possibilita a qualificação da rede de atendimento, auxiliam no processo de inclusão de jovens cidadãos que vivem em vulnerabilidade social.

O Fundo da Infância e Adolescência de Cocal do Sul é gerido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente, vinculado à Secretaria Municipal de Assistência Social, autorizado pela Lei Federal 8069/90 e instituído no município em dezembro de 2010, pela Lei 1032/2010.

A dedução é aplicada somente para as pessoas que optarem pelo modelo completo da declaração. As pessoas jurídicas podem destinar até 3% do Imposto de Renda (IR) devido. Essa destinação não interfere em outras deduções que a sua empresa pode fazer, como a Lei Rouanet ou Audiovisual. Já as pessoas físicas que apresentam declaração no modelo completo podem destinar até 6% do Imposto de Renda devido. Essa destinação não interfere em outras deduções como aquelas referentes a dependentes, pensão, saúde, educação, entre outros.

Notícias Relacionadas

Centro de Convivência: Siderópolis terá novo espaço para receber crianças, jovens, adultos e idosos

O local receberá grupos que integram o serviço de convivência, que totalizam 326 pessoas, entre crianças, jovens, adultos e idosos.

Quatro adolescentes criam startup para fiscalizar os poderes de Criciúma

O objetivo dos jovens é reunir informações dos poderes Legislativo e Executivo do município de Criciúma em uma plataforma mais acessível.

Mais de 5,7 mil crianças comparecem na 1ª etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo em Criciúma

Número superou a expectativa da Secretaria Municipal de Saúde. Segunda etapa inicia dia 18 de novembro, com foco em adultos de 20 a 29 anos

Assistentes sociais do Poder Judiciário estudam garantia do direito à convivência familiar de crianças e adolescentes

Os nove pesquisadores integrantes do grupo trabalharam na elaboração de um subprojeto para a produção e disseminação de conhecimentos e o aperfeiçoamento de metodologias de trabalho na área