Geral

Criciúma já tem lei para receber o 5G e aprovação se deu sem polêmica

A mesma velocidade que a nova internet promete foi vista na apreciação, votação e criação das leis que abrem espaço para implementação da nova tecnologia.

Divulgação

Criciúma não está, até então, entre as cidades preferidas do Ministério das Comunicações para implementação da tecnologia 5G. Jaraguá do Sul no norte de SC é uma das cinco primeiras do país a ter autorizado o sistema. As outras quatro são Curitiba (PR), Ceará-Mirim (RN), Petrolina (PE) e Araguaína (TO). Mesmo assim a região carbonífera já tem lei pronta para receber o serviço. A lei foi sancionada nesta sexta-feira (10).

Em março deste ano, num evento realizado em Florianópolis, o Ministro das Comunicações, Fábio Faria foi contundente em prever que a cidade terá o sistema ainda em 2022. A capital catarinense e mais 11 capitais brasileiras estão totalmente aptas a lançar a internet 5G para a população.

Além de Florianópolis, Brasília, Curitiba, Fortaleza, Natal, Palmas, Porto Alegre, Rio de Janeiro, São Paulo, Vitória, Aracaju e Boa Vista já atualizaram a legislação, o que é o primeiro passo a ser dado.

Sul de SC

A lei sancionada nesta sexta-feira (10) em Criciúma foi aprovada após audiência pública com a presença de técnicos da Acate (Associação Catarinense de Tecnologia), representantes do setor tecnológico, do comércio, da indústria e serviços, além de autoridades de 45 municípioes das regiões do Sul de SC.

O prazo para que os municípios acima de 200 mil habitantes estejam com o 5G instalado é junho de 2026, mas o fato de antecipar a adaptação da legislação local cria expectativa disso ocorrer muito antes. Aprovada em Criciúma a lei deve ser repetida na maioria das demais cidades com aprovações previstas para os próximos dias.

Com informações do site ND Mais

Notícias Relacionadas

Governo sanciona Lei que autoriza farmácias e drogarias a receberem denúncias de violência doméstica contra a mulher

Ao receberem a denúncia, os atendentes devem comunicar imediatamente às autoridades competentes

Lei aprovada em Imbituba irá oficializar o programa que beneficia idosos

O Diretor Municipal de Esportes de Imbituba, Norton Evaldt, defendeu, nos últimos dias, na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara de Vereadores, o Projeto de Lei que torna oficial o programa “Comunidade Ativa”.

Governador sanciona lei que regulamenta emissão de certificados de veículos por despachantes

O ato do Governo dá autonomia, estabilidade e garante mais segurança jurídica ao trabalho realizado pelos despachantes.

Siderópolis assina na Agroponte Lei que institui o Vale Feira para servidores públicos municipais

Com investimento anual de R$ 120 mil, medida deve impulsionar ainda mais a Agricultura Familiar municipal