Geral

Decreto autoriza a suspensão do fornecimento de água por falta de pagamento em Tubarão

Atenta à atual situação do município e aos impactos do novo Coronavírus, a Tubarão Saneamento tem executado uma série de oportunidades de negociação.

Foto: Divulgação

Diante da publicação do Decreto Municipal N° 5.227/2020, que autoriza a suspensão do fornecimento de água pelo não pagamento das faturas de água, a Tubarão Saneamento informa que os clientes com débitos vencidos a partir de 23 de setembro poderão ter o fornecimento suspenso 30 dias após. A Concessionária está alertando, também, por meio de comunicado na fatura mensal.

Atenta à atual situação do município e aos impactos do novo Coronavírus, a Tubarão Saneamento tem executado uma série de oportunidades de negociação. “Para que a conta de água caiba no orçamento das famílias, a Concessionária disponibiliza o parcelamento das faturas em até 10 vezes, conforme o valor da fatura, ou isenção de multas e juros”, destaca o diretor da empresa, Wagner Souza.

A iniciativa é necessária para a garantia regular de abastecimento de água e tratamento de esgoto. O saneamento é essencial e sua ligação com a saúde das pessoas tem sido cada vez mais evidenciada, durante este momento delicado. A manutenção desses serviços indispensáveis, no entanto, depende diretamente do apoio dos usuários. Manter os pagamentos em dia é a forma de ajudar a garantir a prestação dos serviços e de incentivar uma cadeia enorme de parceiros e fornecedores.

“Estamos nos dedicando, ao máximo, para levar saneamento de qualidade aos nossos clientes e suas famílias, neste período tão desafiador. Sabemos que não está sendo fácil e fazemos questão de reconhecer o comprometimento de quem tem mantido seus pagamentos em dia. Uma vez que esses recursos mantêm a empresa em operação, essa atitude beneficia também as famílias mais vulneráveis, que não têm condições de pagar”, comenta Wagner.

A negociação pode ser realizada na Central de Atendimento ao Cliente (Rua Altamiro Guimarães, 685, Centro), ou pelos canais à distância 0800 648 9596 e WhatsApp (48) 99168 5827. Mais informações no site tubaraosaneamento.com.br. Para as unidades consumidoras que se enquadram na categoria de baixa renda, o corte do fornecimento de água continua suspenso.

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

Em Laguna, governador autoriza emissário terrestre para a praia do Mar Grosso e libera recursos para hospital

A projeção da Casan é que o empreendimento fique pronto em janeiro de 2020. O emissário é uma rede de 2.718 metros de extensão e diâmetro de 315 milímetros, com tubos de polietileno.

Prefeito de Nova Veneza assina decreto de formação da Comissão de Acompanhamento, Controle, Prevenção e Monitoramento ao Coronavírus

Nova Veneza não tem casos confirmados da doença, apenas pessoas em isolamento domiciliar que já foram acompanhados, mas devem permanecer em quarentena pois chegaram de viagem.

STF autoriza SC a utilizar recursos do pagamento da dívida com a União no enfrentamento da Covid-19

O pedido foi protocolado pela Procuradoria-Geral do Estado de Santa Catarina (PGE) para garantir que a União deixe de aplicar qualquer tipo de penalidade ao estado em razão da suspensão dos pagamentos.