Geral

Dólar ultrapassa R$ 4,18, segundo maior valor desde criação do real

B3 caiu 0,72% em dia tenso no mercado.

Divulgação

Em um dia tenso no mercado, a bolsa de valores caiu e a moeda norte-americana fechou no segundo maior nível da história. O dólar comercial encerrou esta quarta-feira (13) vendido a R$ 4,187, com alta de R$ 0,02 (0,48%). A divisa está no segundo maior valor desde a criação do real, só perdendo para a cotação de R$ 4,196 registrada em 13 de setembro de 2018.

O dólar operou em alta durante toda a sessão, mas firmou-se acima de R$ 4,18 a partir do início da tarde, até fechar próxima da máxima do dia. A moeda acumula valorização de 4,43% no mês.

Bolsa

No mercado de ações, o dia também foi de tensões. O índice Ibovespa, da B3 (antiga Bolsa de Valores de São Paulo), fechou o dia em queda de 0,71%, aos 105.993 pontos. No segundo dia seguido de queda, o indicador caiu para o menor nível desde 18 de outubro.

Nos últimos dias, o mercado financeiro tem sido afetado pelas turbulências em países da América Latina. Diversos países da região enfrentam problemas políticos, que pressionam investidores estrangeiros.

Com informações do site Agência Brasil

Notícias Relacionadas

Correntista de Imbituba receberá com juros e correção valor retirado da conta sem sua autorização

Sem seu conhecimento e autorização, em janeiro de 2015, R$ 19 mil foram transferidos de seu domínio para a conta de outra pessoa.

Compre Digital do Comércio Local: campanha ultrapassa o número de 250 lojistas cadastrados em Criciúma

Mesmo com a reabertura do comércio, plataforma continuou a ter ampla adesão, chegando a três mil clientes até o momento

Coronavírus em SC: Polícia Militar ultrapassa 100 mil fiscalizações no trabalho de combate à Covid-19

1.701 estabelecimentos foram notificados e 76 foram interditados.

Bancos passam a cobrar dólar do dia da compra com cartão

Medida começa valer a partir de 1º de março, conforme circular do Banco Central