Saúde

Governo do Estado assina convênios de Saúde com municípios da Região Carbonífera

Foto: Bruna Tomé Borges / Comunicação Secretaria de Estado da Saúde

O secretário de Estado da Saúde, Acélio Casagrande, representando o governador Eduardo Pinho Moreira, assinou, na tarde desta segunda-feira (28), no auditório São Donato, no Centro de Içara, convênios com sete municípios da Região Carbonífera – Amrec, que somam quase R$ 9 milhões.

Entre as verbas liberadas, estão os R$ 4,3 milhões para a conclusão das obras da Unidade de Terapia Intensiva – UTI do Hospital São Donato, de Içara, estrutura reivindicada há mais de dez anos pela população.

Os recursos também garantem a continuidade dos trabalhos para abertura da ala materno-infantil do Hospital Santa Catarina, em Criciúma, esperada para atendimento às gestantes e bebês de Criciúma e Região. São pouco mais de R$ 1 milhão para a reforma e ampliação da Central de Materiais Esterilizáveis – CME e R$ 160 mil para reforma da rede elétrica.

Impossibilitado de participar do evento devido à greve dos caminhoneiros, que exige atenção permanente do Governo do Estado, o governador falou aos representantes dos hospitais e municípios presentes em Içara por meio de vídeo.

“As reuniões se sucedem e não permitiram a minha presença no Sul do Estado, mas é um momento muito feliz para a Região. É a complementação de recursos que foram solicitados ao longo dos últimos anos e que agora estamos materializando. Vamos ajudar a concluir uma obra extremamente importante para toda a Região, que é a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital São Donato, de Içara. Estamos oferecendo mais de R$ 4 milhões para concluir estas obras e para comprar os equipamentos. Isto vai trazer conforto, tranquilidade e segurança para as pessoas”, destacou Eduardo Pinho Moreira, que também lembrou que Criciúma teve assinados convênios para recursos ao Hospital Santa Catarina.

Foto: Bruna Tomé Borges / Comunicação Secretaria de Estado da Saúde

“É um passo gigantesco em direção à conclusão destas obras, para que ele possa funcionar efetivamente como um grande hospital materno-infantil. É um grande pacote de realizações que se concretizam por que é um governo que escolheu a saúde como prioridade. Por isso estamos avançando bastante num momento de grande dificuldade econômica no País. Mas, como sabemos superar as crises, vamos superar mais esta, com a união de todos”, destacou.

O secretário de Estado da Saúde, Acélio Casagrande, lembrou que dentro deste pacote voltado à Saúde estão 1 mil exames de colonoscopia que serão feitos no Hospital São José, em Criciúma, determinados pelo governador. “O melhor tratamento é o diagnóstico precoce”, salientou, citando também o veículo humanizado para Siderópolis, e R$ 100 mil por mês para que irão para o hospital, para que faça 1,5 mil cirurgias dentro do projeto regionalização da Saúde do governo estadual.

Sobre a UTI do São Donato, Casagrande frisou a necessidade dos leitos. “Não justifica mais o Hospital São Donato ficar sem UTI. Vamos completar 50 leitos no Sul do Estado”, listou.

Representando os hospitais, o presidente da Fundação Hospitalar de Içara (Hospital São Donato), Waldemar Luiz Casagrande, ressaltou que enfim chegou-se ao sonho tão aguardado. “Nosso hospital vai dar um passo muito grande, vai se transformar numa referência em toda a Região Sul. Este ato é uma consagração de uma etapa de trabalho de muito tempo. Nesta UTI muitas pessoas sonharam conosco. Agradecimentos aos nossos voluntários, que compõem a diretoria do hospital, à diretoria administrativa, e ao governador Eduardo Pinho Moreira em nome de todos os hospitais. Esses valores que estamos recebendo com certeza serão muito bem aplicados”, discursou.

Em nome dos prefeitos falou o prefeito de Içara, Murialdo Canto Gastaldon. “A UTI do Hospital São Donato é um passo fundamental para o hospital, porque dará condições de novos serviços, melhor remunerados pelo SUS. A recuperação da Certidão Negativa de Débito e a implantação da UTI são dois passos significativos para a saúde de Içara”, frisou.

Convênios assinados:

Colaboração: Bruna Tomé Borges / Comunicação Secretaria de Estado da Saúde

Notícias Relacionadas

Em Laguna, governador autoriza emissário terrestre para a praia do Mar Grosso e libera recursos para hospital

A projeção da Casan é que o empreendimento fique pronto em janeiro de 2020. O emissário é uma rede de 2.718 metros de extensão e diâmetro de 315 milímetros, com tubos de polietileno.

Tribunal de Justiça nega recurso que pedia retorno de transporte coletivo municipal em Criciúma

O magistrado manteve a posição adotada pela 2ª Vara da Fazenda Pública da comarca de Criciúma

Município e HNSC celebram convênio de R$ 1,8 milhão para custeio de atendimentos na emergência

Os recursos serão destinados ao setor de emergência da instituição.

Projeto Ver retorna ao Sul do Estado com 990 cirurgias de catarata

Nesta quarta-feira (14), iniciam as cirurgias de catarata para 207 pacientes da Amrec, em Nova Veneza, e da Amurel, em Braço do Norte.