Esporte

Homenagens marcam um ano da tragédia com a Chapecoense

Homenagens marcam um ano da tragédia com a Chapecoense

Foto: Reprodução YouTube / Diário Catarinense

O momento mais triste da história da Chapecoense completa um ano nesta quarta-feira (28). E para lembrar os 71 mortos no acidente diversas homenagens serão realizadas em Santa Catarina e também na Colômbia. A cidade de La Unión, local da queda do avião, será palco de homenagem às vítimas do acidente nesta terça.

A programação iniciou às 11h (13h no horário de Brasília), no município de 20 mil habitantes. Haverá missa no morro da tragédia, homenagens da Força Aérea Colombiana e Noite da Luz no parque da cidade.

O primeiro evento será a inauguração de um monumento do Atlético Nacional em memória às vitimas do acidente envolvendo o voo 2933. Uma missa campal no morro Cerro Chapecoense, local da tragédia, está marcada para as 13h. Uma hora depois, no mesmo local, a Força Aérea Colombiana homenageará as vítimas do voo e também fará a exposição da padroeira dos aviadores, Nossa Senhora de Loreto. À noite, às 21h (horário local), o principal parque da cidade terá ritual de luz e concerto sinfônico.

Nesta terça, também haverá uma celebração em Chapecó. À meia-noite uma procissão luminosa sairá da Arena Condá até a Catedral Santo Antônio. À 1h15min, horário do acidente, soará o sino da Catedral. Depois inicia a vigília eucarística até o horário da missa, às 18h30min de quarta-feira.

Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS

Já o clube não fará nenhuma celebração. Em carta divulgada no site da Chape, a diretoria informa que a Ala Leste da Arena Condá estará aberta e haverá uma capela para orações. No corredor de acesso aos vestiários serão colocadas imagens das conquistas do grupo com a camisa do Verdão.

Na tragédia ocorrida em 29 de novembro de 2016, 71 pessoas morreram, entre jogadores, comissão técnica, dirigentes, jornalistas e convidados.

Com informações do site Diário Catarinense

Notícias Relacionadas

Vigário paroquial de Capivari de Baixo, padre Hilário Puziski, morre aos 79 anos

Associação Atlética de Orleans precisa de apoio para fazer ainda mais história no futebol orleanense

Morre Waldemar Colonetti, presidente da Aproet, aos 76 anos

Próspera lança plano de sócio para a temporada

Neste primeiro momento, três tipos de modalidades estão disponíveis para a torcida.