Geral

Juíza realiza audiência simulada com estudantes de Direito da Esucri

Foto: Divulgação TRT/SC

A Esucri recebeu a juíza Patricia Braga Medeiros, titular da 1ª Vara do Trabalho de Criciúma, para uma atividade de prática de audiência com os estudantes de Direito. A professora do curso Keite Wieira foi a responsável pelo convite para que os alunos tivessem essa experiência antes de concluir a graduação.

Duas turmas de prática assistiram à palestra inicial e uma delas fez a audiência simulada. As atividades duraram pouco mais de duas horas e todas as medidas de prevenção foram adotadas conforme o Plano de Contingência (Plancon). A juíza Patrícia falou aos alunos sobre a importância da conciliação, explicou como obter acesso aos links das audiências telepresenciais, que são públicas, e respondeu a perguntas.

“Iniciativas como a da professora Keite são essenciais para que o estudante de Direito possa compreender a dinâmica do processo judicial e se familiarizar com as rotinas e profissionais da Justiça”, comentou o coordenador do curso de Direito da Esucri, Francisco Pizzetti Nunes.

A audiência consistiu na juíza interpretando a magistrada e os alunos nos papéis de partes e testemunhas. “Foi uma atividade muito interessante e todos ficaram bastante satisfeitos pelos ensinamentos recebidos. Achei muito importante essa aproximação e o incentivo a eles participarem. A partir desta experiência, acredito que estarão mais preparados para a atividade profissional quando forem fazer uma audiência como advogados formados”, concluiu a magistrada.

Colaboração: Natasha Monteiro/Traquejo Comunicação

Notícias Relacionadas

Assistentes sociais do Poder Judiciário estudam garantia do direito à convivência familiar de crianças e adolescentes

Os nove pesquisadores integrantes do grupo trabalharam na elaboração de um subprojeto para a produção e disseminação de conhecimentos e o aperfeiçoamento de metodologias de trabalho na área

Juíza de Sombrio prega uso de inovações tecnológicas para acelerar adoções

Magistrada participou de evento sobre boas práticas de adoção em Brasília.

Filho de detento morto em unidade prisional tem direito à indenização, decide TJSC

De acordo com os autos, o preso foi vítima de enforcamento com uma corda, no ano de 2017.

Pós-graduação Esucri: troca de experiências e aperfeiçoamento de técnicas

Neste segundo semestre de 2019, o IPG-Esucri oferece seis cursos de pós-graduação. Três deles são novos nas áreas do Direito, Gestão e Saúde e as inscrições estão abertas.