Geral

Laguna não terá Carnaval de rua em 2022; apenas blocos fechados estão autorizados

Decisão da prefeitura municipal foi comunicada nesta quinta-feira, 9, ao fim da tarde. Medida afeta desfile e pré-carnaval das escolas de samba e blocos populares, como Pracinha.

Divulgação

A prefeitura de Laguna confirmou o que já era esperado desde a divulgação de uma portaria restritiva do governo do Estado sobre eventos ao ar livre. O Carnaval de 2022 será limitado aos blocos carnavalescos particulares.

A medida foi anunciada no fim da tarde desta quinta-feira, 9. Com isso, eventos como desfile de pré-carnaval das escolas de samba e blocos de rua como o da Pracinha estão proibidos. A normativa estadual foi editada diante do temor da proliferação da variante Ômicron, do novo coronavírus.

A prefeitura condicionou a liberação desses blocos fechados à exigência de passaporte vacinal (comprovação de imunização com duas doses), uso de máscaras, álcool em gel e o controle de público. Não há permissão para saída de trios elétricos pelas ruas.

Um plano de contingência deve ser feito e apresentado pela organização dos eventos para obter o aval de realização junto ao setor de Vigilância Sanitária municipal. Nesse primeiro momento, de acordo com a prefeitura, apenas quatro eventos estão confirmados e todos serão realizados em uma arena na praça Seival, no Mar Grosso.

A mesma portaria do Estado já motivou o cancelamento da festa pública de virada de ano no Molhes da Barra. Laguna planejava um evento com mais de 10 horas de duração, voltado à valorização dos artistas locais.

Com informações do site Portal Laguna

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

Estado garantirá tratamento anual de R$ 2,7 milhões a criança de Laguna com AME, decide TJ

De acordo com os autos, a perícia médica comprovou que a criança, natural de Laguna, precisa do remédio e que inexiste, na rede pública de saúde, tratamento para a doença.

Em Laguna, governador autoriza emissário terrestre para a praia do Mar Grosso e libera recursos para hospital

A projeção da Casan é que o empreendimento fique pronto em janeiro de 2020. O emissário é uma rede de 2.718 metros de extensão e diâmetro de 315 milímetros, com tubos de polietileno.

Idoso capota carro sobre a Ponte Anita Garibaldi, em Laguna

Motorista de aproximadamente 80 anos estava sozinho quando perdeu o controle do veículo com placas de Braço do Norte.