Trânsito

Motorista morre em acidente de trânsito entre carro e caminhão no Anel Viário de Criciúma

Colisão ocorreu no início da tarde desta segunda-feira, por volta de 13h15.

Foto: Hugo Ronchi/ Arquivo Pessoal

O motorista de um carro morreu no início da tarde desta segunda-feira (7), em Criciúma, no Sul de Santa Catarina, após bater com um caminhão carregado de madeiras. O acidente de trânsito ocorreu no Anel Viário, na comunidade de Vila Zuleima, por volta de 13h15.

De acordo com os bombeiros, a princípio, o condutor do carro com placas de Criciúma teria perdido o controle do veículo e bateu de frente com o caminhão, com placas de Siderópolis. A carga de madeiras do caminhão chegou a se soltar na rodovia.

Foto: Hugo Ronchi/ Arquivo Pessoal

O condutor do carro ficou preso nas ferragens, mas não resistiu aos ferimentos. O Instituto Geral de Perícias (IGP) está no local e, por volta das 15h, os bombeiros continuavam fazendo a limpeza da pista.

Já o motorista do caminhão teve apenas ferimentos leves e foi encaminhado ao hospital pelos bombeiros.

Foto: Hugo Ronchi/ Arquivo Pessoal

Com informações do G1 SC

Notícias Relacionadas

Mais de 5,7 mil crianças comparecem na 1ª etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo em Criciúma

Número superou a expectativa da Secretaria Municipal de Saúde. Segunda etapa inicia dia 18 de novembro, com foco em adultos de 20 a 29 anos

Rever: aplicativo que contribui para a coleta seletiva já tem grande demanda de usuários em Criciúma

Plataforma digital auxilia nas denúncias de irregularidades e solicitações para coletas

Idoso capota carro sobre a Ponte Anita Garibaldi, em Laguna

Motorista de aproximadamente 80 anos estava sozinho quando perdeu o controle do veículo com placas de Braço do Norte.

Polícia Civil apresenta dados positivos na repressão de roubos em Criciúma com prisões realizadas e criminosos identificados

Comparado com 2018, os dados indicam redução de roubos com uso de arma de fogo, roubos em residência e roubos com mais de três autores, com estabilização da quantidade de roubos gerais.