Segurança

Mulher é ameaçada e feita refém por mais de três horas por ex-companheiro em SC

O suspeito, que foi preso pela polícia, havia saído do sistema prisional horas antes

Foto: PM/Divulgação

Uma mulher viveu momentos de medo e agonia durante a madrugada desta terça-feira (14), depois que o ex-companheiro dela, que recém havia deixado o presídio, a fez de refém durante mais de três horas em Joinville, no Norte de Santa Catarina.

De acordo com a Polícia Militar, o homem saiu do sistema prisional na segunda-feira (13), usando tornozeleira eletrônica.

Poucas horas depois, por volta da 1h desta terça, foi até a casa da ex-companheira, que acionou o botão do pânico – ferramenta usada por mulheres com medida protetiva para pedir socorro em situações de violência.

Quando a PM chegou, o homem apontava um objeto pontiagudo para a vítima, afirmando que não aceitava o término e que, se ela não fosse ficar com ele, não ficaria com outra pessoa.

Diante da ameaça, a polícia acionou também a Companhia de Patrulhamento Tático e os paramédicos. Além disso, o Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais), em Florianópolis, também foi acionado para fazer a negociação.

Na casa do bairro Petrópolis, na zona Sul da cidade, também estava o pai da vítima, um idoso de 83 anos, que não estava sendo feito refém. O local estava trancado com corrente, o que dificultava a ação da polícia.

Com a área cercada, o Tático iniciou a negociação e, após mais de três horas,o homem se entregou, foi preso em flagrante e conduzido à central de polícia. A vítima não sofreu ferimentos.

Com informações do ND+

Notícias Relacionadas

Homem é assassinado e duas mulheres feitas de refém em Gravatal

Ocorrência foi registrada por volta das 11h20 pela Polícia Militar. Dois suspeitos foram presos.

Mulher é ameaçada de morte após encontrar drogas do marido em Orleans

A Polícia foi acionada e apreendeu as drogas

Mulher é agredida e ameaçada de morte por marido em Braço do Norte

Ocorrência foi registrada no Bairro Rio Bonito por volta das 11h desta quarta-feira (19)

Após mais de oito horas, sequestrador é morto e mulher é liberada em Balneário Gaivota

O homem, de 28 anos, que fez uma família refém em Balneário Gaivota, foi morto e a mulher liberada sem ferimentos.