Geral

Professores e alunos realizam manifesto contra mudança de direção em escola de Urussanga; VEJA VÍDEO

Passeata com faixas e cartazes foi realizada pela E.E.B. Barão do Rio Branco nesta terça-feira (16) no centro da cidade. Gered afirma que alteração é temporária.

Fotos: Adriano Ghellere/ Portal Sul In Foco

Alunos e professores da Escola da Educação Básica Barão do Rio Branco iniciaram nesta terça-feira (16) uma série de mobilizações contrárias a mudança na direção da escola em Urussanga. Uma passeata foi realizada em ruas do centro da cidade com o intuito de sensibilizar a Gerência Regional de Educação (Gered) a manter a atual diretora e evitar a vinda de outra pessoa para o cargo (veja vídeo a seguir). “Foi um protesto pacífico. Os alunos tiveram autonomia para participarem do movimento”, relata a professora e presidente do Conselho Deliberativo da Escola, Bruna de Fátima Goulart Miot.

Foto: Adriano Ghellere/Sul In Foco

Simone das Graças Nogueira Feltrin é a professora pivô e o motivo da mobilização. A educadora ocupava o cargo de assessora de direção, até passar para a condição de diretora com o pedido de exoneração do cargo para aposentadoria por parte da professora Joselane Vicentin. Em fevereiro deste ano, Simone foi escolhida como a nova diretora através de uma eleição pró-tempore. A decisão contou como aval da Gered, Conselho Deliberativo, Associação de Pais e Professores – APP e corpo docente.

No mês seguinte, Simone descobriu que não ocupava mais os cargos de diretora e nem de assessora de direção e voltava à condição de professora. O motivo da destituição, segundo a Gered, são as faltas registradas por Simone na greve dos professores de 2015, direito legal segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Educação – SINTE.

“Estou como professora e continuo na sala de aula. Ajudo a resolver questões administrativas da escola na hora atividade, sem prejudicar o andamento das minhas aulas. Fico orgulhosa pelo reconhecimento do grupo e pelo apoio neste momento. Vou aguardar a decisão da Justiça”, conta Simone.

Sem Simone, sem direção.

A posição dos alunos e professores é clara: querem que a Simone assuma o cargo de diretora novamente. A intenção da Gered é indicar uma diretora pelo prazo de 15 dias e após realizar uma nova eleição para a escolha definitiva da nova gestora. “A escola continua sem diretor. Temos diversas situações administrativas e pedagógicas para serem resolvidas. Precisamos indicar alguém até que sai a decisão desta liminar da professora Simone”, afirma a gerente regional de educação Jucilene Fernandes.

“Eu como mãe de aluno e professora, fico preocupada em saber da possibilidade de uma pessoa que não conhece a nossa escola possa assumir a direção. Tememos pela continuidade do andamento dos projetos já existentes. Se vier alguém assumir o lugar da Simone, o portão da escola será fechado”, afirma a presidente da APP, Sabrina Zanin Cancelier.

  • IMG_5539 (Copy)
  • 3fd77095-47a3-4f06-bb3e-05ffee76c9d6 (Copy)
  • 07dbd84a-bc09-4c38-a99d-f76849ae463b (Copy)
  • IMG_5537 (Copy)

Reuniões

Os pais dos estudantes foram convidados para participarem de uma reunião na próxima segunda-feira (22), às 19h30min, nas dependências da escola.

Enquanto isso, o grupo escolar definiu e protocolou o pedido para que a gerencia compareça a uma reunião na quarta-feira (24), as 18h30min na escola. Já a Gered afirma que estará nesta quinta-feira (18), às 17 horas, buscando resolver o impasse.

“Tenho certeza que o encaminhamento desta quinta-feira será o melhor para a comunidade escolar. Entendo a preocupação do grupo, mas acredito que será o melhor para a escola. Esperamos que a comunidade também tenha essa compreensão. Entendo a defesa do nome, mas tem a questão legal e não podemos deixar a escola sem alguém responsável”, finaliza Jucilene.

A E.E.B Barão do Rio Branco possui atualmente 75 anos de história, cerca de 550 alunos e 63 funcionários, entre professores e serventes.

Veja vídeo do manifesto

Notícias Relacionadas

IFSC e Gered abrem curso de formação para professores da rede estadual em Criciúma

Carreta Odontosesc realizará três mil consultas em dois meses

A carreta Odontosesc funcionará até o dia 20 de junho, de segunda à sexta-feira, das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas.

Polícia prende traficantes que vendiam drogas para estudantes em Criciúma

Os homens passavam a droga em uma casa próxima a Escola Miguel Giacca

Secretaria de Educação de SC abre concurso para mil vagas

Cargos são de professor, orientador educacional, administrador escolar, supervisor escolar e assistente de educação.