Geral

Programa Com Nota Fiscal Vai Legal registra menor índice de irregularidades desde o início das fiscalizações

Blitz foi realizada na SC-445, em Içara.

Fotos: Antônio Rozeng

O programa Com Nota Fiscal Vai Legal, que fiscaliza mercadoria em trânsito, realizou nesta quarta-feira (27) uma blitz na SC-445, Rodovia Paulino Burigo, em Içara. No total 83 veículos foram abordados, sendo que seis foram notificados por transportar mercadoria sem nota fiscal. Um foi noticiado por fiscais da Fazenda Estadual e os demais receberam notificação e têm 30 dias para apresentar a nota fiscal na sede da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (AMREC).

Essa foi a operação com menor índice de veículos abordados com carga e que estavam sem nota fiscal desde 2015. Foram apenas 11,11%, sendo que a média de 2017, estava em 24,66%.

Segundo o coordenador do programa, Ailson Piva, aparentemente houve um aumento da conscientização. “A maioria das veículos abordadas era de empresas locais com destino a outro estados, ou outras regiões, e neste caso não existe a possibilidade de transporte sem nota fiscal”, afirma Piva, que o transporte de mercadoria sem nota prejudica os municípios, já que impacta no retorno de ICMS.

Colaboração: Antonio Rozeng – Assessoria de Imprensa da Amrec

Notícias Relacionadas

Colisão frontal termina em morte em Balneário Rincão

Obras de recuperação da SC-390 começam nesta terça-feira

Assinatura da ordem de serviço, com a presença do Governador do Estado, Eduardo Pinho Moreira e o Secretário de Infraestrutura do Estado Paulo França, está prevista para acontecer na quarta (26), em Orleans.

Governador admite que atraso da licitação para recuperação da SC-390 está sendo “sinal de incompetência”

Moreira fez declaração ao ser questionado pelo Portal Sul In Foco nesta segunda (30). Em março, o Governo do Estado autorizava o processo de licitação.

Cinco ficam feridos após colisão frontal na SC-108, em Cocal do Sul; VEJA VÍDEO

Entre as vítimas, uma criança que estava na cadeirinha em um dos carros. Rodovia está parcialmente interditada em função do resgate pelas equipes de socorro.