Norte

Travesti morre atropelada por viatura da PM ao sair de boate em Jaraguá do Sul

Polícia Militar diz que estava com giroflex ligado e indo prestar apoio a perseguição de moto. Vítima tinha acionado transporte por aplicativo e foi atingida atravessando a rua.

Foto: Divulgação

Uma travesti morreu atropelada por uma viatura da Polícia Militar na noite de terça-feira (5) em Jaraguá do Sul, no Norte catarinense. A vítima saía de uma boate, atravessou a rua e foi atingida pelo carro, a caminho de uma outra ocorrência. A Polícia Civil de Jaraguá do Sul disse que esteve no local e que será aberto um inquérito civil.

Segundo a PM, o atropelamento ocorreu às 23h57 no bairro Água Verde. Conforme relato de testemunhas à PM, a vítima tinha acionado um transporte por aplicativo e iria pegar o veículo quando o acidente ocorreu.

De acordo com os bombeiros voluntários de Jaraguá do Sul, a vítima de 42 anos teve politraumatismos e morreu no local.

A PM informou que a viatura estava com o giroflex ligado e seguia com urgência para prestar apoio a uma ocorrência relacionada a uma moto, que já era feita por outra guarnição. A corporação falou ainda que trata o caso como fatalidade e que será aberto um inquérito policial militar do caso.

Notícias Relacionadas

Em quatro horas, polícia apreende 10 CNH’s de motoristas ao negarem teste do bafômetro na SC-370

No domingo (14), dois motoristas embriagados foram presos e encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil, em Braço do Norte.

Acidente deixa casal gravemente ferido na SC-390, em Lauro Müller

Vítimas estavam em motocicleta que colidiu contra camionete na tarde desta quarta-feira (04), no trecho do distrito do Guatá.

Caminhão carregado com gás de cozinha tomba na SC-447, em Meleiro

O Corpo de Bombeiros também esteve no local, mas as vítimas dispensaram o atendimento.

Colisão frontal deixa feridos na SC-108, em Urussanga

Com o choque, o trânsito ficou lento e uma das vítimas precisou ser socorrida até o Hospital Nossa Senhora da Conceição.