Geral

Professores da região participam de ato na Alesc

Manifestação ocorre no dia de retomada dos trabalhos no Legislativo, para pressionar que reforma da Previdência estadual não seja aprovada.

Divulgação

Uma delegação de aproximadamente 30 professores da Regional de Criciúma somará forças ao ato que ocorre nesta terça-feira, 4, a partir das 13h, na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc). A mobilização na capital é promovida por sindicatos e centrais de trabalhadores catarinenses, em protesto ao projeto de reforma da Previdência dos servidores públicos estaduais. A proposta, apresentada no fim do ano passado, deve ser votada pela Casa nas próximas semanas.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Santa Catarina (Sinte/SC), a proposta apresentada pelo Estado aumenta o tempo de contribuição para os professores terem acesso ao benefício integral e reduz as pensões em até 50%. É contra pontos como esses que a categoria busca pressionar os parlamentares no ato de hoje. “A principal bandeira é a contrariedade em relação à mudança nas regras previdenciárias dos servidores, visto que já foi alterada a alíquota de nossa contribuição em 2016”, expõe o coordenador Regional do Sinte Criciúma, Ênio Leonardo Rocha Candido.

Campanha em outdoors

Para chamar a atenção da sociedade às ações do governo consideradas prejudiciais ao Magistério, o Sinte está com uma campanha em outdoors em 29 pontos de Santa Catarina. Três desses painéis foram instalados em Criciúma: um próximo à saída do Terminal Central; um na BR-101, na entrada para o bairro Verdinho; e outro na Avenida Luiz Lazzarin, no Rio Maina.

Com informações do site TNSul

Notícias Relacionadas

PRF prende quadrilha especializada em furto de roupas em shopping centers na região de Tubarão

Os suspeitos confessaram que furtaram as roupas de lojas da região no final de semana e estavam indo vender as roupas em Tubarão.

Ciência é 10: IFSC oferece especialização gratuita para professores de Ciências do ensino fundamental

As inscrições estão abertas e vão até o dia 21 de outubro.

IFSC e Gered abrem curso de formação para professores da rede estadual em Criciúma

Adultos entre 55 e 59 anos e professores podem tomar a vacina contra a gripe a partir desta segunda

A Campanha segue até o dia 5 de junho e todas as pessoas dos grupos prioritários, que ainda não tomaram a vacina, têm até esta data limite para se imunizar.