Geral

Termina em 6 de maio o prazo para regularização de eleitores faltosos

Data é voltada para quem não compareceu às urnas nos três últimos pleitos.

Foto: Divulgação

Em Santa Catarina, de 5.070.212 eleitores, 68.414 estão passíveis de terem o seu título eleitoral cancelado, número que representa 1,3% do total. No Brasil, são 2,6 milhões de pessoas que podem ter seus títulos cancelados.

Para não ficar em situação irregular, o eleitor deve emitir a Guia de Recolhimento de Multa Eleitoral e, após o pagamento, procurar qualquer Cartório da Justiça Eleitoral até 6 de maio de 2019, munido de documento oficial com foto, título eleitoral e comprovante de recolhimento da multa. Caso o eleitor não tenha como emitir a guia, poderá obtê-la diretamente nos cartórios eleitorais. O Coordenador de Gestão do Cadastro Eleitoral, Giovani Moisés Pacheco, lembra, ainda, que os eleitores também devem apresentar os comprovantes de votação ou justificativa eleitoral, nos casos em que queiram contestar a inclusão de seu nome na lista de faltosos.

O TRE-SC lembra que agora todas as Zonas Eleitorais estão cadastrando biometricamente os eleitores, dessa forma, quem for regularizar a sua situação eleitoral terá sua foto e digitais coletadas.

Na Resolução TSE n. 23.594/2018 estão previstos os prazos para execução dos procedimentos relativos ao cancelamento dos títulos eleitorais, bem como para a regularização dos eleitores.

Para evitar filas, tanto no processo de revisão quanto na biometria ordinária, os eleitores devem agendar o seu atendimento pela internet ou pelo telefone 0800 647 3888. Dúvidas podem ser solucionadas pelo telefone acima ou pelo formulário de Serviço de Informação ao Cidadão.

Lista

As listas com os nomes dos eleitores faltosos começaram a ser divulgadas pelos cartórios eleitorais em 20 de fevereiro. A consulta à situação eleitoral também pode ser feita no Portal do Tribunal Superior Eleitoral.

Os nomes dos eleitores e os números dos respectivos documentos cancelados serão disponibilizados pela Justiça Eleitoral a partir de 24 de maio.

Com informações do Jornal Notisul

Notícias Relacionadas

Projeto de regularização do Uber fica para 2019

Prefeito Clésio Salvaro recebeu representantes dos motoristas no Paço.

Mais 70 famílias serão beneficiadas com a regularização fundiária em Siderópolis

O relatório com as ações ajuizadas foi entregue na manhã dessa quarta-feira (05) ao prefeito Hélio Cesa, o Alemão, pelo técnico social Antônio Carlos Simião, da empresa SC Engenharia.

Coleta de documentos para regularização fundiária no Poço inicia nos próximos dias em Içara

Reunião realizada na noite de ontem orientou moradores da comunidade.

Prefeito de Maracajá propõe debate sobre regularização fundiária urbana

"É preciso um debate sobre esta situação e encontrarmos soluções efetivas", comenta o prefeito de Maracajá, Arlindo Rocha.